23/01
17:48

Janeiro Branco: mês dedicado à ações educativas de prevenção da saúde mental

A medida visa mobilizar, conscientizar sobre a importância de prevenção da saúde mental

O mês de janeiro é reservado para ações educativas para a difusão da importância da prevenção da saúde mental, de iniciativa da deputada estadual Ana Lula (PT). A medida visa mobilizar, conscientizar sobre a importância de prevenção da saúde mental.

A lei nº 8.257, datada de 18 de Julho de 2017, publicada no Diário Oficial do Estado em 25 de julho de 2017, incentiva atividades integradas, com o intuito de chamar atenção não só para os cuidados com a saúde mental e a saúde emocional, mas também como fator de estado de equilíbrio, sem o qual não é possível viver satisfatoriamente em sociedade, além de promover palestras sobre a temática e o bem-estar- cuidados com a mente e cuidados com a vida, objetivando também a diminuição do preconceito.

A lei também sugere a instalação em prédios públicos estaduais, inclusive na Assembleia Legislativa, de iluminação em branco e aplicação do símbolo da campanha ou em sua sinalização, de forma a remeter atenção ao tema durante todo o mês de janeiro. Vale ressaltar que o Estado de Sergipe é o segundo a instituir o “Janeiro Branco”.

Fonte: Rede Alese
Foto: Imagem reproduzida do site Funbeca


Variedades
Com.: 0
Por Redação
23/01
17:46

Pacientes com câncer passam a ter benefícios a partir de nova lei

A medida dispõe sobre informação, divulgação e esclarecimentos dos direitos das pessoas com câncer

A deputada estadual Maria Mendonça (PSDB), propôs na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) PL nº59/2018, aprovado por unanimidade pelo Poder Legislativo. A medida dispõe sobre informação, divulgação e esclarecimentos dos direitos das pessoas com neoplasia maligna (câncer).

Com a nova lei nº 8.507, publicada no Diário Oficial no dia 22 de janeiro, os esclarecimentos devem ser instituídos preferencialmente nos meses de fevereiro e abril, comemorativos ao dia mundial do câncer e ao dia mundial de combate ao câncer. As informações devem proporcionar todas as explicações e os procedimentos necessários para pleitear direitos, garantias e benefícios como aposentadoria por invalidez; auxílio doença; isenção de imposto de renda sobre a propriedade de veículos; quitação de financiamento de imóveis pelo sistema financeiro de habitação. Além desses, os pacientes acometidos pela doença terão direito a cirurgia reparadora da mama; concessão de renda mensal vitalícia, entre outros.

De acordo com texto de justificativa da proposta, o respaldo aos pacientes com câncer é premente diante da falta de informações e uma gama de dificuldades. Associado a isso, no estado, o setor de tratamento oncológico passa por interrupções e até mesmo carência de tratamento, pois quando é disponibilizada a vaga, muitos pacientes foram a óbito.

Fonte: Rede Alese
Foto: Divulgação/Tito Torres


Variedades
Com.: 0
Por Redação
23/01
17:07

Acusados de roubo a ônibus na capital são presos instantes após o crime

A dupla estava em posse de uma mochila com os objetos roubados das vítimas

Policiais civis do Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope) e militares do Batalhão de Radiopatrulha (BPRp) prenderam Alisson Machado dos Santos e Gabriel Silva Nascimento, acusados de roubo a ônibus. A prisão ocorreu no início da tarde de ontem, terça-feira, 22, instantes após o crime, no bairro Capucho, na Zona Oeste da capital.

De acordo com as equipes, agentes da Polícia Civil estavam na entrada da unidade quando foram chamados por vítimas do roubo. Os policiais seguiram até o local, onde outra vítima indicou a direção para onde os acusados tinham fugido, uma área de vegetação nas imediações do Centro Administrativo.

Os policiais civis solicitaram o apoio da Polícia Militar, que encaminhou equipes do BPRp. Os acusados foram encontrados dentro da vegetação no entorno de um canal de esgoto. Os agentes fizeram um cerco e, instantes após, ambos saíram do local e se entregaram às equipes. A dupla estava em posse de uma mochila, onde estavam aparelhos celulares, relógios, carteiras, além de outros objetos roubados das vítimas. Os pertences foram recuperados e devolvidos. Durante o flagrante, também constatou-se que Alisson já tinha sido preso por roubo; enquanto que Gabriel, detido por violência doméstica.

Fonte e foto: SSP-SE


Variedades
Com.: 0
Por Redação
23/01
16:46

Suspeito de tentativas de homicídios e receptação em Santana do São Francisco é preso pela Polícia

Homem foi detido em posse de arma de fogo e celulares

Nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira, 23, no povoado Saúde, município de Santana do São Francisco, integrantes da delegacia local, em parceria com militares do Destacamento Policial Militar de Santana do São Francisco, prenderam Janisson dos Santos Leite, de 23 anos, em cumprimento a mandado de prisão preventiva por duas tentativas de homicídios. O caso foi levado à Delegacia de Neópolis. Também participaram da prisão, agentes da Delegacia de Japoatã.

A detenção se deu dentro do inquérito que averigua duas tentativas de homicídios ocorridas numa festa, no último dia 19 de agosto, no Baixo São Francisco. Segundo o que foi levantado pelo delegado Tiago Lustosa, responsável pela Delegacia de Santana do São Francisco, Janisson se envolveu numa briga com Valdeanderson Silva dos Santos e Gilton Santos da Silva e atirou contra ambos.

Em meio ao crime, os homens foram atingidos com disparos de arma de fogo e resistiram aos ferimentos. A partir daí, foram iniciadas investigações, que mostraram Janisson como autor. Por volta das 5h de hoje, o infrator foi preso em casa, onde a polícia também localizou uma espingarda e diversos celulares, possivelmente frutos de receptação, já que o rapaz já foi indiciado por tal crime.

Fonte e foto: SSP-SE


Variedades
Com.: 0
Por Redação
23/01
16:41

Riscos decorrentes do aumento de vazão do Rio São Francisco são alertados pela Defesa Civil Estadual

 Alteração na operação da Usina Hidroelétrica de Xingó que conduzirá à elevação das suas vazões defluentes foi proposta Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS)

O Departamento Estadual de Proteção e Defesa Civil (Depec) alerta às populações ribeirinhas e equipes de Defesa Civil da região do Baixo São Francisco para o risco de inundação, em decorrência do aumento da vazão do Rio na altura da Hidrelétrica de Xingó. O Depec é ligado à Secretaria de Estado da Inclusão, da Assistência Social e do Trabalho.

De acordo com comunicado emitido pela Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) na última segunda, 21, o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) propôs, em Reunião de Avaliação das Condições da Operação dos Reservatórios da Bacia do São Francisco, uma alteração na operação da Usina Hidroelétrica de Xingó que conduzirá à elevação das suas vazões defluentes. O objetivo, segundo o documento, é “promover condições mais seguras para o suprimento de energia elétrica, notadamente na Região Nordeste”.

A Defesa Civil Estadual, contudo, alerta à população e informa sobre a possibilidade de inundação em algumas regiões. “A nossa preocupação é porque foi praticada, em 2018, uma vazão entre 550 e 600 m³ de água por segundo. E a Chesf já informou que há a possibilidade de, em algum momento, dobrar essa vazão para 1.100 m³/s. É fato que o Rio São Francisco estava com um volume reduzido, mas com o dobro da vazão praticada no ano passado, pode ser que algumas comunidades tenham ocupado espaços que a água atinja com essa alteração”, explica o diretor do Depec, coronel Alexandre José. 

Conforme explica a Chesf no documento, a alteração da operação da Usina ocorrerá nas situações em que houver redução de geração eólica na Região Nordeste – portanto, a qualquer tempo. Por isso, a recomendação do Depec é que as Defesas Civis dos municípios que estão localizados no Baixo são Francisco façam a averiguação das comunidades nos locais onde haja risco de a água ocupar seu lugar de origem, para que se tenha tempo hábil de realizar ações preventivas. Neste sentido, o próprio documento ressalta a “importância da não ocupação de áreas ribeirinhas situadas na calha principal do rio”.

Fonte: ASN
Foto: Ascom/Seit


Variedades
Com.: 0
Por Redação
23/01
16:32

Em Sergipe, abertura de empresas cresce 11%

Entre as dez cidades que mais abriram, apenas Itabaiana diminuiu

Ocupando atualmente a terceira colocação entre os estados com o menor tempo para se abrir um negócio no Brasil – conforme o Ranking de Qualidade da Receita Federal -, Sergipe registrou durante o ano de 2018 a abertura de 4.277 novas empresas, segundo dados da Junta Comercial do Estado de Sergipe (Jucese). Trata-se de um aumento de 11% em relação a 2017.

Ao partir para os municípios, o crescimento da abertura de empresas também foi registrado. Entre as dez cidades que mais abriram, apenas Itabaiana diminuiu: Aracaju (2.383); Itabaiana (215); Nossa Senhora do Socorro (180); Lagarto (160); Tobias Barreto (115); Estância (108); São Cristóvão (92); Nossa Senhora da Glória (75); Barra dos Coqueiros (60); e Propriá (55).

Seguindo a tendência dos últimos anos, o setor de Serviços representa a parcela maior de abertura de empresas em 2018, com o percentual de 58,17%; logo em seguida vem o setor de Comércio com 36,78%; e, por último, o setor da Indústria com 5,05%. Já com relação às atividades econômicas, a mais registrada na Jucese em 2018 foi a “Construção de Edifícios” com 154 empresas abertas; seguida de “Comércio Varejista de Artigos do Vestuário e Acessórios” (111); “Atividade Médica Ambulatorial Restrita a Consultas” (107); “Comércio Varejista de Mercadorias em Geral” (106); e “Lanchonetes, Casas de Chá, de Sucos e Similares” (98).

Sergipe registrou a baixa de 3.438 empresas no ano de 2018, 839 a menos em comparação à abertura. O setor de Comércio predomina os fechamentos com 52,01%; em segundo lugar vem o Setor de Serviços com 39,57%; e, em terceiro, o setor da Indústria com 8,42%.

Fonte: ASN
Foto: Ascom/Jucese


Economia
Com.: 0
Por Redação
23/01
16:23

Governo concede licença para projeto que gerará mais de 640 empregos em Sergipe

O investimento, no valor total de R$ 310 milhões, sendo R$ 210 milhões só em Sergipe

O governador Belivaldo Chagas, ao lado da vice-governadora Eliane Aquino, realizou a entrega da licença ambiental para instalação do Bloco II do empreendimento da  Linhas de Energia do Sertão Transmissora (Lest). O projeto irá abranger os estados de Sergipe, Pernambuco e Alagoas.  O investimento, no valor total de R$ 310 milhões, sendo R$ 210 milhões em Sergipe, possibilitará a geração de mais de 600 empregos diretos no estado.

Serão 198 km de linha de transmissão de energia, sendo 160 km em Sergipe, ligando a subestação Xingó à Jardim. O projeto também é fundamental para o escoamento da energia que será produzida na Termelétrica de Sergipe.

A fase de implantação da linha tem início previsto, de fato, para abril deste ano e finalização para abril de 2020. O diretor da Lest, Vagner Serrato, aproveitou a ocasião para entregar uma placa simbólica referente à pedra fundamental de instalação da linha de transmissão Xingó-Jardim. Segundo Serrato, a implantação da linha Xingó-Jardim é importante porque melhora a qualidade da energia para região de Aracaju. O superintendente do Banco do Nordeste (BNB) em Sergipe, Antônio César Santana, explicou que a Instituição financiará o empreendimento em Sergipe.

Fonte: ASN
Foto: Marco Vieira/ASN


Política
Com.: 0
Por Redação
22/01
19:34

Com alunos, professores e sindicalistas, Governo discute oferta de matrícula em escolas estaduais

O governo de Sergipe elabora estudo da demanda real por vagas escolares em cada bairro, município e território sergipano para redefinir o quantitativo da oferta de vagas nas escolas da Rede Estadual

Em audiência realizada nesta segunda-feira (21), com alunos e professores de escolas da rede estadual instaladas em Aracaju e membros da diretoria executiva do Sintese (Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica da Rede Oficial do Estado de Sergipe), o secretário de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura, Josué Modesto dos Passos Subrinho, assegurou que nenhuma unidade escolar encerrará suas atividades sem que haja, antes, discussão prévia com a comunidade escolar.

A discussão em torno do possível fechamento de turno escolar ou mesmo a transferência da matrícula entre escolas da Rede Estadual ocorre no âmbito da reestruturação da oferta de vagas escolares, ação executada pelo governo de Sergipe para garantir a todo cidadão o direito à matrícula na escola pública, maximizar os recursos financeiros, otimizar espaços ociosos e o quadro de servidores da Educação.

Junto à diretora da DEA/Seduc (Diretoria de Educação de Aracaju), Eliane Passos, o secretário estadual da Educação explicou aos sindicalistas, alunos e professores que, concomitantemente à reestruturação da oferta de ensino, o Estado empreende postura ativa para buscar alunos e garantir que toda criança e adolescente em idade escolar esteja matriculada e frequentando regularmente a escola, evitando, com isso, perda de matrícula. Josué Modesto afirmou ainda que, apesar de o gerenciamento da Rede Estadual considerar o todo de forma macro, as decisões adotadas pela pasta não desconsideram as especificidades que cada escola possui. 

A reestruturação da oferta da educação básica nas escolas públicas do Estado está sendo elaborada pela Seduc, em parceria com as redes municipais de ensino, as quais têm dimensionado a demanda atual por modalidade e etapa de ensino em seus respectivos municípios, de modo que ambas as redes possam atender à sociedade e evitar a desnecessária concorrência entre as escolas públicas por matrícula de alunos.

Fonte: ASN
Foto: Eugênio Barreto/Seduc


Política
Com.: 0
Por Redação
1 2 3 4 5 6 » Próxima » Última

Enquete


Categorias

Arquivos