26/04
14:41

Itabaiana já pode emitir licenciamento ambiental

Itabaiana foi o primeiro município do interior sergipano a conquistar o direito a emitir licenciamento ambiental. O ato de autorização aconteceu hoje, conforme informações do secretário de Estado do Meio Ambiente,. Genival Nunes.

A Semarh promoveu há cinco meses curso de qualificação de pessoal dos municípios para a emissão do licenciamento. "Agora, o município poderá autorizar a instalão de panificações, condomônios, oficinas e outros pequenos projetos ou obras", explicou Nunes.

Ontem, Carmópolis também solicitou a autorização para o direito de emitir licenciamento ambiental. "Isso é bom, pois reduz os serviços da Adema e da Secretaria do Meio Ambiente e abre espaço que a Prefeitura resolva questões inerentes ao dia-a-dia da cidade", comentou o secretário.


Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
26/04
13:53

Saúde anuncia dados da hipertensão no País

O Ministério da Saúde anuncia nesta terça-feira (26), Dia Nacional de Prevenção e Combate à Hipertensão Arterial, os novos números da doença no Brasil e um balanço dos dois primeiros meses de funcionamento do programa Saúde Não Tem Preço. O anúncio será no quinto andar do ministério, em Brasília, e será transmitido ao vivo pela Web Rádio Saúde

Números da Organização Mundial da Saúde (OMS) indicam que há cerca de 600 milhões de hipertensos no mundo. A doença atinge, em média, 25% da população brasileira, chegando a mais de 50% na terceira idade e, surpreendentemente, a 5% dos 70 milhões de crianças e adolescentes no Brasil, segundo dados da Sociedade Brasileira de Hipertensão (SBH). 

A pressão alta é perigosa e geralmente não tem cura, mas pode ser controlada. Para isso, é preciso que o paciente tome medicamento por toda a vida. O problema é que, apesar de causar ataques cardíacos e derrames, em alguns casos a doença é assintomática e a pessoa desconhece que é portadora do mal. (Da assessoria)
 



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
26/04
12:04

Audiência discute questões de quilombolas de Sergipe

Reafirmar a identidade enquanto comunidade negra e remanescente de quilombo parece se constituir ainda em um grande desafio frente às forças de resistência de grupos minoritários que estão a serviço de um projeto político que valoriza o capital econômico em detrimento as questões sociais e valores humanos.

Nesta perspectiva, os direitos humanos, a liberdade e a dignidade tornam-se comprometidas necessitando que os diversos grupos emplaquem uma luta que não pode abrir mão do debate acerca de um projeto político de sociedade alternativo que contemple a valorização de todos os povos e grupos sociais.

O engajamento de todas e de todos para possibilitar que esses grupos se pronunciem e façam vir à tona a realidade atual que permeia o cotidiano destas lutas é imprescindível para unificar e fortalecer a construção de uma sociedade mais justa e humanitária, uma vez que as conquistas no campo jurídico ainda não lograram os efeitos almejados no campo prático-político, onde percebemos na realidade acima de tudo uma grande omissão do Estado.

É nesse sentido que o Movimento Nacional de Direitos Humanos de Sergipe ? MNDH/SE, juntamente com o Comitê Gestor das Comunidades Quilombolas, promoverá uma audiência pública sobre a realidade das comunidades quilombolas do Estado de Sergipe, conforme programação a seguir.

O objetivo é fortalecer as comunidades quilombolas em suas lutas e reivindicações, pressionando os órgãos públicos nas diversas esferas de governo para efetivação de políticas públicas que garantam a posse da terra, a identidade cultural e a dignidade dos remanescentes de quilombo em Sergipe. Participe!

 Audiência Pública Sobre a Realidade      das      Comunidades
Remanescentes    de  Quilombo  do      Estado      de     Sergipe

 29      de       Abril        de    2011       

 Local Auditório   do   Sindicato   dos   Bancários   de   Sergipe

 8:00h -  Recepção e acolhida aos participantes

9:00h -  Mística/Abertura Oficial:

 Lídia Anjos ? Articuladora do MNDH/SE

 Maria Normélia de Melo ? Rep. do Comitê Gestor das Comunidades Quilombolas de Sergipe

 Paulo Mary - Coordenador Nacional das Comunidades Quilombolas de Sergipe ? CONAC-SE

 

9:30h -   Exposição dos Órgãos Públicos Federais:

  Dra. Doralice Berttúlio ? Procuradora-chefa da Fundação Cultural Palmares

  Dr. Carlos Alberto Júnior ? Ouvidor da Secretaria de Promoção e Igualdade Racial ? SEPPIR

10:00h ? DEBATE

11:00h ? Dr. Bruno Teixeira ? Ouvidor Nac. da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República

   Rep. Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados (À CONFIRMAR)

11:30h -  DEBATE    

12:00h -  Jorge Tadeu J. Correia ? Sup. do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária ? INCRA/SE

Procuradoria do Ministério Público Federal   (À CONFIRMAR)            

12:30 -    DEBATE E ENCERRAMENTO   (Da assessoria)



Política
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
26/04
11:37

Multifeira é adiada em Aracaju

Após os incessantes apelos dos lojistas sergipanos, por meio da FCDL/Sergipe e CDL/Aracaju, integrantes do governo do Estado resolveram adiar a Multifeira Setorial programada para acontecer na Orla de Atalaia, de 29 de abril a 08 de maio, na semana comemorativa ao Dia das Mães.

Os lojistas reclamam da concorrência desleal que se estabelece ante a realização desse tipo de evento, argumentando que essas feiras estariam ocorrendo justamente em períodos de "picos de vendas", como é o caso do Dia das Mães.

Os integrantes da CDL e FCDL entendem não serem contrários aos eventos, "desde que haja uma programação adequada e que não prejudique o comércio local, estabelecido, que paga todos os impostos e gera milhares de empregos", diz Samuel Schuster, da CDL.

Diante da sensibilidade das autoridades governamentais, que negociaram com a promotora da Multifeira a realização do evento para após o Dia das Mães, a entidade lojista agradeceu o empenho de cada dirigente e fez novo apelo para que as multifeiras sejam objeto de discussão no Conselho do Desenvolvimento do Comércio (CDC), antes de serem promovidas no Estado. (Da assessoria)



Economia
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
26/04
11:32

TJSE treina estagiários para Pesquisa de Satisfação do Público Externo

A Diretoria de Planejamento e Desenvolvimento do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE) realizou ontem, dia 25, treinamento dos estagiários que irão aplicar os questionários da Pesquisa de Satisfação com os usuários do Judiciário sergipano. Realizada desde 2003, a pesquisa tem como objetivo conhecer a opinião dos jurisdicionados sobre a atuação do TJSE sobre diversos aspectos como atendimento, horário de audiências e serviços das secretarias judiciais, além da funcionalidade das instalações físicas e localização dos fóruns.

A pesquisa será realizada entre os dias 03 e 13/05, em todos os fóruns da capital, Juizado da Infância e Juventude, Vara de Execuções Criminais - VEC e Vara de Execuções das Medidas e Penas Alternativas - VEMPA e nas Comarcas de Itabaiana, Lagarto, Estância, Propriá, São Cristóvão e Nossa Senhora do Socorro. "Serão ouvidos mais de 5 mil usuários pelos mais de 100 estagiários responsáveis pela coleta dos dados", explicou Erick Andrade, diretor de Planejamento, afirmando que a pesquisa vem traçando, ao longo do tempo em que é realizada, um diagnóstico do trabalho do TJSE e sendo fundamental para a melhoria dos serviços e correção de falhas. (Da assessoria)



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
26/04
11:22

SEDHUC promove hoje debate para discutir a homofobia

Secretaria dos Direitos Humanos e da Cidadania traz Luiz Mott, da UFBA e do Grupo Gay da Bahia, para discutir os números da violência contra os homossexuais no Brasil

Nesta terça-feira(26/4), a Secretaria de Estado dos Direitos Humanos e da Cidadania (SEDHUC) estará promovendo a mesa de discussão "Homofobia em debate: em busca de soluções", com o professor de Antropologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e fundador do Grupo Gay da Bahia (GGB) Luiz Mott, autor de quatro livros sobre a História de Sergipe e responsável pelo Relatório Anual sobre Assassinatos de Homossexuais no Brasil.

O evento acontece na Sociedade Semear, na rua Vila Cristina nº 148, a partir das 18h30, e contará também com o professor de Antropologia da Faculdade Ages (BA) e estudioso e pesquisador dos assassinatos de homossexuais em Sergipe, desde 1994, Marcelo Domingos, além do delegado titular da 4ª Divisão de Homicídios, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Mário Leony. (Da assessoria)




Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
24/04
16:29

PMA mantém duas urgências pediátricas na capital

Com o objetivo de cuidar da saúde das crianças de norte a sul da cidade, a Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal de Saúde a PMA mantém urgências pediátricas na Maternidade e Hospital Beneficente Santa Isabel  (zona norte), e no Hospital Fernando Franco (zona sul).  Graças a uma parceria entre os governos do estado e do município foi possível a reabertura, no dia 16 de fevereiro deste ano, da Urgência Pediátrica do Hospital e Maternidade Santa Isabel. A medida visa promover maior agilidade e descentralizar o atendimento às crianças.
 
"Fico muito feliz de poder trazer a minha filha pro Santa Isabel porque é perto da minha casa e o atendimento aqui é muito melhor em relação ao outros. Yasmin chegou aqui com febre alta, mas já foi atendida e medicada", declara a moradora, Kelly Santos.

A urgência está devidamente preparada para atender a comunidade. "Nossa estrutura conta com 15 leitos de observação e 25 de internamentos. E na equipe temos dois pediatras por turno e um pediatra-diarista que atendem diariamente uma média de 80 a 100 pacientes de 0 a 12 anos", explica o coordenador da Urgência Pediátrica do Santa Isabel, Renato Amorim.

"No pronto atendimento temos condições de receber crianças com problemas de baixa complexibilidade, ou seja, damos o suporte clínico básico como, diarréia e infecções. Casos de trauma e mais complexos encaminhamos para o Hospital de Urgências de Sergipe (Huse)", completa.(Da assessoria)




Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
24/04
13:23

Fusão partidária - Albano e João unidos para sempre

Está em andamento em Brasília e nas principais capitais brasileiras um processo de negociação para que se torne viável ainda no decorrer deste primeiro semestre de 2011 a fusão entre o PSDB e o DEM. Há reações nos dois lados, mas está evidente a necessidade dos “Democratas” de sobrevivência em outro partido que possa chamar de seu, mesmo que seja o ninho tucano. Está evidente que a sigla DEM já está amaldiçoada, assim como aconteceu com a Arena, PDS, PP e PFL, seus antecessores, surgidos no período entre 1966 e 2007.

O encaminhamento das conversações, no nível mais elevado, envolve os senadores Aécio Neves (PSDB-MG) e José Agripino Maia (DEM-RN) e os deputados federais ACM Neto (DEM-BA) e Sérgio Guerra (presidente do PSDB). Em Sergipe, o processo passará diretamente pelos ex-governador Albano Franco, comandante dos poucos tucanos que restaram no ninho, e João Alves Filho, que briga para manter o seu Democratas, rejeitado por Franco, e o PSDB unidos em Sergipe.

O “Democratas” vem se afundando, inicialmente na condição de PFL, desde que o PT chegou ao poder no Brasil, com a eleição do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em 2002. A partir daí, teve início o esvaziamento, com sucessivos fracassos eleições estaduais e municipais. Em Sergipe, a crise começa com a ascensão do PT ao Governo do Estado, numa chapa encabeçada pelo governador Marcelo Déda, em 2006, tendo como vice o atual secretário de Estado da Educação, Belivaldo Chagas (PSB). O DEM tinha o controle de mais de 2/3 das prefeituras e ainda assim caiu em desgraça.

O processo de fusão DEM-PSDB parece não agradar ao ex-governador Albano Franco e seus aliados, que já se mandaram para o PSD (nova agremiação criada pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, que deixa o DEM, cria o PSD e entrega a seção sergipana ao governador Marcelo Déda, numa disputa com os aliados irmãos Amorim, do PSC). Já na primeira eleição de Déda, o grupo tucano perdeu parte grande, que optou pelo PDT e depois se dispersou em outros alinhados com o governador.

Albano não gosta de caminhar com João, cujo grupo “bate” no tucano publicamente e insiste em tê-lo como aliado, algo como se tivesse aplicando o famoso “abraço de afogados”. Por causa desse relacionamento complicado, será difícil a fusão do que restou do DEM com o restinho do PSDB em Sergipe. João quer um Albano manso, quieto e sem voz. Albano não deseja sequer ter João por perto, embora mantenha um bom relacionamento com o ex-governador José Carlos Machado, braço direito da principal liderança do DEM.

Bastante confiante nas pesquisas que mostram o DEM em situação privilegiada eleitoralmente para 2012, em Aracaju, as lideranças do partido apostam num futuro não muito distante melhor. Vai dar agilidade à uma campanha de filiação ainda nesses dias. Enquanto isso, o PSDB, ainda que um pouco magoado com os governistas e se dizendo oposição, continua apostando num bom relacionamento com o governador Marcelo Déda e o prefeito Edvaldo Nogueira (PC do B). A maioria dos tucanos já “pungou” e agora faltam Albano mais três ou quatro amigos. Os governistas até que gostariam de ter Albano por perto, e isolar o grupo de João, mas o DEM não deixa. E Albano e João seguem sufocados com seus poucos aliados.

 


Política
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
Primeira « Anterior « 1775 1776 1777 1778 1779 1780 1781 1782 1783 1784 1785 » Próxima » Última

Enquete


Categorias

Arquivos