15/07
15:19

Após período de chuvas, Prefeitura de Aracaju intensifica ações de limpeza no bairro Jabotiana

Cerca de 80 trabalhadores, distribuídos em 15 equipes, atuaram em todos os pontos da região com tarefas de varrição, capinação e roçagem mecanizada

Na manhã desta segunda-feira, 15, por intermédio da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), a Prefeitura de Aracaju iniciou um mutirão de limpeza e recolhimento de lixo nos conjuntos JK, Sol Nascente e Santa Lúcia, no bairro Jabotiana. A ação, que prossegue até esta terça, dia 16, atende ao planejamento de ações elaborado pela gestão municipal para diminuir os transtornos consequentes das fortes chuvas que atingiram a capital sergipana na semana passada.

De acordo com a Diretoria de Operações da Emsurb , cerca de 80 trabalhadores, distribuídos em 15 equipes, atuaram em todos os pontos da região com tarefas de varrição, capinação e roçagem mecanizada. O mutirão também contou com o serviço do programa Cata-treco, atuando na retirada de objetos como móveis e eletrodomésticos danificados pelas águas. “Disponibilizamos o caminhão para fazer esta coleta. O veículo atenderá todo o bairro, incluindo a área do Largo da Aparecida, onde um caminhão coletor também auxiliar nesse trabalho”, explicou o diretor de Operações, Bruno Moraes.
 
Fonte: AAN
Foto: Felipe Goettenauer


Variedades
Com.: 0
Por Redação
15/07
14:34

Acontece nesta semana em Aracaju a Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa

Evento será aberto nesta terça-feira, dia 16, no Teatro Atheneu, às 14 horas

O Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, em parceria com a Prefeitura de Aracaju, por intermédio da Secretaria Municipal da Assistência Social, promoverá, nos próximos dias 16, 17 e 18, a 2ª Conferência  Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa. Com o tema “Os Desafios de Envelhecer no Século XXI e o Papel das Políticas Públicas”, o evento será aberto nesta terça-feira, dia 16, no Teatro Atheneu, às 14 horas. 

A programação conta com palestras, a exemplo da “Palestra Magna: Os Desafios  de Envelhecer no Século XXI e o papel das políticas públicas”, que será proferida pela assistente social Rosária Rabelo, apresentações culturais, rodas de conversas, entre outras atividades que objetivam provocar reflexão e discussão acerca dos avanços e desafios da execução das políticas públicas destinadas às pessoas idosas. No evento, haverá o lançamento do projeto “Andantes: a educação como forma de disseminar o respeito à pessoa idosa”. 

Os dois últimos dias do evento serão realizados no auditório da Igreja Espírito Santos, localizada no bairro Santo Antônio. Segundo a presidente do Conselho das Pessoa Idosa, Maria José, a Conferência oportunizará aos participantes fortalecer o diálogo. “É uma oportunidade de unirmos os diversos atores que atuam em defesa dos direitos das pessoas idosas para podermos dialogar, mostrar os principais problemas relacionados às políticas públicas destinadas às pessoas da melhor idade e exigir que sejam elaboradas ações com mais eficiência”, explica.

Fonte: AAN
Foto: Ascom/Assistência Social


Variedades
Com.: 0
Por Redação
15/07
14:09

Aracaju atinge meta de vacinação contra a Influenza

A Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza iniciou no dia 10 de abril e encerrou no dia 31 de maio. No entanto, o Ministério da Saúde autorizou que a vacinação para a população em geral fosse aberta, no dia 3 de junho até enquanto durassem os estoques

Mesmo após o encerramento oficial da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza, no dia 31 de maio, a Prefeitura de Aracaju, por meio da da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), continuou com o trabalho de imunização da população até finalizar os estoques, ofertando a vacina contra a Influenza para toda a população, inclusive para as pessoas pertencentes aos grupos prioritários. Nesta segunda-feira, 15, com a última atualização do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações, foi constatado que Aracaju conseguiu atingir a meta de vacinação estabelecida pelo Ministério da Saúde (MS).

A coordenadora do Programa de Imunização da SMS, Ilziney Simões, afirma que o índice de vacinação do público-alvo atingiu 90,2%. A Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza iniciou no dia 10 de abril e encerrou no dia 31 de maio. No entanto, o Ministério da Saúde autorizou que a vacinação para a população em geral fosse aberta, no dia 3 de junho até enquanto durassem os estoques. “A oferta da vacina contra Influenza foi aberta para toda a população depois da Nota Informativa nº 129/2019 lançada pelo MS. Mas as pessoas pertencentes aos grupos prioritários buscaram garantir a sua vacinação mesmo de última hora. Conseguimos vacinar 138.133 pessoas dos grupos prioritários, que equivale a 90,22% da meta preconizada pelo MS”, disse.

O estoque da vacina contra Influenza está distribuído nas Unidades Básicas de Saúde com o intuito de garantir a segunda dose para as crianças primovacinadas. “Ou seja, as crianças que tomaram essa vacina pela primeira vez e que precisam de mais uma dose para promover a proteção adequada. Finalizando a vacinação deste público, só teremos fornecimento da vacina contra Influenza na próxima campanha que ocorrerá em 2020". enfatizou.

Fonte: AAN
Foto: Ascom/SMS


Variedades
Com.: 0
Por Redação
14/07
20:16

Governo pleiteia recursos à Defesa Civil Nacional para municípios atingidos pelas chuvas

Secretário Nacional de Defesa Civil e vice-governadora Eliane Aquino foram a Riachuelo neste domingo

 

Após dez dias de chuvas intensas, em que as precipitações registradas superaram a média histórica e o esperado para todo o mês de julho, o governo de Sergipe, através da Defesa Civil Estadual, faz o levantamento das consequências em todo o Estado e articula o processo de restabelecimento junto aos municípios mais atingidos. O secretário Nacional de Defesa Civil, cel. Alexandre Lucas, veio a Sergipe neste domingo, 14 de julho, quando pôde conhecer a situação in loco, e constatar a urgência da liberação de recursos para o restabelecimento e assistência à população afetada.

 

Em nome do governador Belivaldo Chagas, a vice-governadora Eliane Aquino e a secretária de Inclusão Social, Lêda Couto, receberam o cel. Alexandre Lucas e o coordenador de avaliação de risco da SEDEC, Lucas Mikosz, no início da manhã, para assistir à apresentação feita pelo coordenador da Defesa Civil Estadual, cel. Alexandre José, sobre as consequências das chuvas em Sergipe. Os boletins pluviométricos apresentados comprovam precipitações médias acima de 300 mm na maior parte do estado - quase o dobro do volume considerado normal para o período - deixando 913 pessoas desabrigadas e 833 desalojadas – segundo dados atualizados no último sábado, 13.

 

Após a reunião, o grupo sobrevoou algumas áreas afetadas e pousou em Riachuelo, município mais atingido pelas chuvas, que será priorizado no processo de reconhecimento federal de Situação de Emergência, para liberação de recursos pela secretaria Nacional de Defesa Civil. “Viemos sentir o problema de perto e estamos levantando todas as necessidades para contribuir, complementar o apoio do Estado, auxiliando os municípios com recursos e aquilo que for possível. Precisamos organizar a resposta, para que os instrumentos de captação de recursos sejam inseridos no nosso sistema, e possamos ajudar o mais rápido possível. Um desastre é um momento difícil, em que se precisa organizar o caos primeiro, para que as coisas possam funcionar”, disse o cel. Alexandre Lucas, secretário Nacional de Defesa Civil.

 

A secretária Lêda Couto afirmou que as equipes dos Departamentos de Assistência Social e de Defesa Civil da Seit irão para o município já nesta segunda-feira, auxiliar nesse processo de organização. “Vamos enviar nossos técnicos para, juntamente com o município, produzir todos os relatórios e levantamentos que forem necessários para que Riachuelo possa receber esses recursos o mais rapidamente possível”, disse a secretária de Estado da Inclusão Social. Ainda dentro desse processo de organização, o cel. Alexandre Lucas listou alguns objetivos, que devem ser perseguidos pelo município, como abrigar e alimentar as pessoas, vesti-las, limpar a cidade, restaurar as casas e restabelecer os acessos.

 

Ele também avaliou, numa análise geral, que o trabalho preventivo foi feito de forma eficiente pelas equipes em todo o Estado, retirando famílias das áreas de risco a tempo de preservar sua integridade física. “Passar por eventos dessa magnitude sem registro de feridos e com apenas duas pessoas desaparecidas mostra que as equipes trabalharam bem. A gente queria encontrar esse nível de excelência em todos os lugares que a gente fosse. O importante, agora, é fazer com que essas pessoas que estão sofrendo sejam acolhidas. E vejo que as equipes estão empenhadas em buscar isso”, observou o cel. Alexandre Lucas.

 

Esperança e solidariedade

Segundo a prefeita de Riachuelo, Cândida Leite, a visita das equipes, neste domingo, trouxe alívio para a gestão municipal. “Hoje, pra gente, é um momento de esperança. A situação é muito complicada. Hoje, quando vieram as equipes do governo do Estado e o próprio governo Federal, com essa foça toda, prometendo ajudar, passamos a acreditar que tudo isso vai passar e que nós vamos vencer essa tragédia tão grande que aconteceu no nosso município”, disse Cândida Leite. Ainda segundo ela, a prefeitura está limpando a cidade e contando com a parceria de prefeituras próximas. “Precisamos de toda ajuda possível, porque a cidade não tem água, as pessoas perderam tudo. A população pode ajudar doando material de limpeza, alimentação e kits de higiene - tudo é importante. Pode direcionar para a Defesa Civil Estadual ou trazer diretamente para cá, onde montamos uma central de recebimento”, concluiu a prefeita de Riachuelo.

 

De acordo com a vice-governadora Eliane Aquino, está sendo construído um plano de atuação conjunta com a prefeitura de Riachuelo. “A equipe do governo do Estado está entrando em contato com todos os municípios atingidos, para que possamos fazer um plano articulado. Quero fazer um agradecimento à Defesa Civil Nacional e dizer que o papel do governo Federal, num momento como esse, é de extrema importância para os Estados e municípios – que, sozinhos, não têm condições de dar toda a assistência que a população precisa”, pontuou Eliane. Ela também destacou a importância da empatia, da união e da solidariedade neste momento. “Quero fazer um grande agradecimento também, à população sergipana que, de uma forma extremamente solidária, tem se articulado e conseguido trazer doações para essas localidades. Precisamos estar todos juntos, unidos, para que consigamos cuidar da nossa população e fazer com que o nosso Estado volte à normalidade o mais rápido possível”, afirmou.

 

O prefeito de Santa Rosa de Lima, Luiz Roberto Azevedo, também estava em Riachuelo neste domingo, prestando solidariedade aos munícipes vizinhos e se colocando à disposição para ajudar. “Estamos sendo solidários com os vizinhos aqui de Riachuelo porque estão sem casa, sem alimentação. E muitas pessoas de Santa Rosa fizeram campanhas de arrecadação e enviaram donativos para ajudar essas famílias”, afirmou o prefeito de Santa Rosa de Lima, município cuja cabeceira da ponte do principal acesso à sede do município ruiu. “Agradecemos à Defesa Civil Estadual e à Nacional que estão aqui, fazendo uma somação de esforços, para que a gente consiga restaurar o que foi destruído pelas chuvas. O secretário Nacional tem muita experiência, já vivenciou situações desse tipo em outros lugares, e veio dar uma orientação pra gente de como organizar esse trabalho para que, realmente, se atinja as pessoas que mais precisam. Vamos trabalhar agora para conseguir recursos em Brasília”, finalizou o prefeito.

(Da assessoria)



Política
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
14/07
17:00

Aracaju - Emurb inicia Operação Tapa Buracos nesta segunda-feira, 15

A Empresa Municipal de Obras e Urbanismo (Emurb), da Prefeitura de Aracaju, inicia nesta segunda-feira, 15, os trabalhos da Operação Tapa Buracos, que vai recuperar ruas e avenidas da capital sergipana, duramente atingida pelas chuvas nos últimos 10 dias. A Emurb está realizando um levantamento da situação de todas as vias da cidade.

Segundo o engenheiro Sergio Ferrari, presidente da empresa, serão priorizadas as recuperações das vias públicas por onde circulam diariamente os ônibus. “Daremos atenção especial às vias do bairro Santa Lúcia/Jabotiana e aos conjuntos Sol Nascente e JK, que foram muito castigados pelas chuvas”, afirmou.



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
14/07
12:44

Nós e o aquecimento global

Ailton Rocha - Superintendente da SERHMA/SEDURBS
 
A grande conferência da ONU sobre mudança do clima que ocorreu em Copenhague capital da Dinamarca em 2009, reunindo 190 países, entre eles o Brasil, criou um acordo que prevê o limite do aquecimento da terra em dois graus, mas lançou a desilusão quanto às metas das emissões de CO2 dos estados industrializados até 2020.
 
O Painel Intergovernamental sobre Mudança Climática (IPCC, na sigla em inglês), formado por 2,5 mil cientistas, afirma que a Terra já aqueceu cerca de 0,7°C desde a Revolução Industrial. O IPCC projetou cenários futuros que preveem o aquecimento do planeta em pelo menos 1,8°C até o fim deste século, dependendo das medidas tomadas pelos países para reduzir as emissões. A mudança do clima coloca em risco a sobrevivência de muitas espécies de animais e plantas.
 
Atualmente, mais da metade da população mundial vive em cidades. Estima-se que mais de 2 bilhões de pessoas vá se tornar moradores urbanos nos próximos 30 anos. Este rápido crescimento da urbanização traz muitos desafios nas diferentes áreas das políticas públicas, habitação, emprego e renda, educação, patrimônio cultural, mobilidade, planejamento urbano, a relação com o meio ambiente, entre outros. 
 
A Conferência Climática de Paris, a COP 21, reuniu em dezembro de 2015 representantes de 195 países com um objetivo ambicioso: chegar a um acordo universal em relação ao clima, para tentar limitar o aquecimento global a, no máximo, 2°C.
 
Apesar dos estudos, ainda existem incertezas quanto às consequências dos efeitos das mudanças climáticas e sua relação com o agravamento de eventos críticos. Porém, há um risco associado a essas possíveis mudanças, que está relacionado à oferta de água e exige um processo de gestão do risco climático nos recursos hídricos.
 
Na atualidade, a preocupação com a universalização do acesso à água, sua conservação para fins múltiplos e a resolução de conflitos de usos tornam o tema prioritário na agenda internacional em face dos graves problemas ambientais que se apresentam em escala planetária.
 
No Brasil, o desmatamento é responsável por 75% das emissões de gases causadores do efeito estufa. São desmatados cerca de 21 mil quilômetros quadrados por ano, o que representa um Estado de Sergipe de floresta no chão por ano.
 
Em reunião da ABEMA (Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Meio Ambiente) no dia 25/06/2019, foi feito o convite pelo Centro Brasil no Clima para criação do Conselho dos Governadores pelo Clima, que poderão nos credenciar a captar recursos financeiros internacionais em forma de doação ou de financiamento a partir de créditos de carbono.
 
Nos últimos anos 
(2012-2018), o nordeste brasileiro conviveu com secas recorrentes comprometendo a produção agropecuária e o volume equivalente dos reservatórios. Em Sergipe durante o ano de 2018, de acordo com o monitor de secas,  a intensidade da seca foi de extrema a excepcional, e para ficar em alguns exemplos das consequências,  a Barragem de Jabiberi em Tobias Barreto operou no volume morto e a de Poção da Ribeira (Gov. João Alves Flho) em Itabaiana chegou a 10% do seu volume útil. Em ambas foi suspensa a água destinada para irrigação para destiná-la exclusivamente ao abastecimento público.
 
Entretanto nos 12 dias iniciais de julho de 2019, ocorreram precipitações nunca registradas até então no estado de Sergipe, Alagoas e parte da Bahia, provocando o transbordamento de barragens, cheias e inundações levando transtorno as populações ribeirinhas.
 
Até o rio Vaza Barris que nasce no sopé da serra dos Macacos, sertão da Bahia, próximo ao município de Uauá, no raso da Catarina, uma região de baixa precipitação, registrou uma vazão de 600 m³/s nunca conhecida na sua história, segundo a Agência Nacional das Águas, provocando o rompimento de barragens e transbordamento intenso na barragem do Gasparino em Coronel João Sá/BA.
 
Em Sergipe não se teve conhecimento de rompimento de barragens, mas todas elas transbordaram e os rios saíram do seu leito natural provocando enchentes e inundações.
 
Confirmado por 97% dos cientistas, o aquecimento global tem provocado mudanças climáticas com graves consequências para o planeta terra, tornando o nordeste brasileiro a ter que conviver com eventos extremos que vão de secas recorrentes a cheias e inundações. Neste sentido é preciso aprimorar o monitoramento, combater o desmatamento e a poluição, investir em estruturas mais robustas e fortalecer as defesas civis, entre outras medidas.
 



Política
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
14/07
12:29

João Daniel busca acordo para se reeleger presidente do PT de Sergipe

“Eu trabalho um acordo entre todos os segmentos petistas em que o meu nome está disponível para ser o presidente do PT de Sergipe . Busco a união, mas a corrente Articulação de Esquerda já lançou o nome do professor Dudu para disputar a Presidência também e já não sei se o grupo me apoiará. Por enquanto, continuo candidato”, comentou o deputado federal e presidente do PT Sergipe, João Daniel. No dia 08 de setembro o PT elegerá seus dirigentes municipais e delegados ao congresso estadual. Caberá à esses eleger o Presidente.



Política
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
14/07
09:56

Coluna Primeira Mão

Como votaram


Os oito deputados federais sergipanos que votaram contra e a favor da reforma da Previdência não têm sido poupados de críticas e de agressões nas redes sociais. Os cinco que votaram a favor foram Bosco Costa, Fábio Mitidieri, Fábio Reis, Gustinho Ribeiro e Laércio Oliveira. João Daniel, Valdevan Noventa e Fábio Henrique votaram contra. Os ratos de rede, aqueles carinhas que são pagos para elogiar seus chefes o dia todo no zap, twitter, facebook, blogs e sites, andam em pé de guerra.


Bancadas regionais


Todo mundo sabe que o voto no Senado tem mais peso do que o seu equivalente na Câmara de Deputados. O Senado possui apenas oitenta e um representantes dos estados (três de cada). Como a região Nordeste tem nove estados, são vinte e sete senadores. Se esses representantes regionais trabalharem como bancada em votações importantes como essa da reforma da Previdência, seu poder de barganha fica maior 


Operação Navalha


No próximo dia 18, às 8h, a Central Única dos Trabalhadores (CUT) realizará ato público em frente ao Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (TCE/SE) para relembrar os fatos e personagens denunciados pela Operação Navalha. A CUT diz que “a operação não pode terminar em pizza e doce de leite”. O esquema utilizado pela quadrilha consistia em superfaturar obras previstas no PAC.


Convergência


A senadora Maria do Carmo Nascimento Alves está contente com a adoção, por parte do governo Bolsonaro, de seu projeto de lei que autoriza a demissão de funcionário público que tenha baixo rendimento profissional. O que se pode concluir daí? Há convergência de ideias entre o DEM e o PSL e é boa, portanto, a sintonia entre o partido da senadora e o do presidente da República.


Convocação das universidades


O Ministério da Educação (MEC) está convidando os reitores das universidades públicas federais para reuniões nos dias 16, às 16h, a realizar-se nas dependências do Edifício Sede do Ministério da Educação, e 17 de julho de 2019, às 9h, a realizar-se no Auditório do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O ministro vai apresentar a universidade que quer para o Brasil.


Caro demais


Quem inventou essa onda de apartamento de R$ 1 milhão, R$ 2 milhões, R$ 3 milhões em Aracaju é bom desinventar. Ninguém tem dinheiro para pagar tão caro por um ap. Além disso, as taxas mensais de condomínios estão por cerca de R$ 2 mil.


Chuva demais


Muita chuva caiu em Aracaju e em cidades do interior na semana que termina. Uma fartura de água e também muito desperdício dela! Para completar o dilúvio a barragem no sertão da Bahia transbordou e suas águas de julho alcançaram o Rio Poxim em Sergipe, alcançando a nossa cidade de Itaporanga. Felizmente, até agora, só é falado em prejuízos materiais, nenhuma perda humana. Se alguém acredita na música Suplica Cearense pode ser que alguma pessoa rezou errado.



Malandragem pura


Nesse fim de semana, foram divulgadas informações sobre os trotes recebidos pelo  Samu. Os números são assustadores! Em 2018, o Samu recebeu 166.095 chamadas e fez 26.178 atendimentos, o que corresponde a 28%. Em 2019, até agora, foram feitas 183.964 chamadas e 29.079 atendimentos, equivalentes a 22%. Quanto trabalho perdido, quantas viagens desnecessárias, quantas pessoas necessitando do Samu ficam sem atendimento. Os trotes são uma espécie antiga de fake news a se combater com campanhas educativas.


Toma lá, dá cá


O presidente Donald Trump quer nomear seu filho Eric para o cargo de embaixador dos Estados Unidos no Brasil. Bolsonaro quer nomear seu filho Eduardo embaixador do Brasil nos Estados Unidos.


Santa inocência


Esta coluna não questiona a legalidade da decisão judicial que libertou o cidadão que matou a mulher com marretadas, sob a condição de usar tornozeleira. Foi um crime bárbaro e cruel. Esse não pode ser considerado um crime comum. Enfim, a Justiça deve saber o que está fazendo.



Brazilian Jazz


Na semana que passou o Brasil perdeu João Gilberto. Cantor e compositor da melhor qualidade, foi o inventor da Bossa Nova. É o samba de classe média, que os americanos chamam de "Brazilian jazz". Ficou famoso no mundo inteiro. Era um perfeccionista que adotava o paletó e gravata para dizer que fazia alguma coisa especial. Com sua genialidade, deu ao violão (o Brasil é onde mais se toca violão) o status de instrumento musical de altíssimo nível. Viveu recluso por muito tempo.



Coluna Eugênio Nascimento
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
Primeira « Anterior « 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » Próxima » Última

Enquete


Categorias

Arquivos