24/12
09:38

Irregularidades em licitações lideram manifestações encaminhadas à Ouvidoria do TCE


As possíveis irregularidades nos processos licitatórios das prefeituras sergipanas têm sido o assunto de maior freqüência nas manifestações encaminhadas à Ouvidoria-Geral do Tribunal de Contas do Estado (TCE). A informação está presente no relatório de atividades da Ouvidoria, elaborado pelo conselheiro-ouvidor, Clóvis Barbosa de Melo.

O levantamento leva em consideração o período que vai desde a criação do departamento, em abril deste ano, até o mês de dezembro. De acordo com o conselheiro, os dados indicam que a Ouvidoria recebeu 171 demandas, somadas ainda a cerca de 250 e-mails. "O contato por e-mail e o formulário eletrônico disponível no site do TCE têm sido os meios mais utilizados para acesso à Ouvidoria", relata Clóvis Barbosa.

Segundo ele, somente são registradas as demandas que necessitam de maior pesquisa ou de atuação de setores específicos do Tribunal, sendo as demais manifestações devidamente respondidas e posteriormente arquivadas. "Os temas variam desde reclamações de interesse privado a interesse público, com destaque para possíveis irregularidades nos processos licitatórios do Poder Executivo dos Municípios", complementou o conselheiro.

Clóvis Barbosa assegurou ainda que a Ouvidoria do TCE, apesar de recente, já se firmou como um instrumento com o qual os cidadãos sergipanos podem contar. “A sociedade sergipana está percebendo que dispõe de um espaço para fazer reclamações, denúncias, elogios e sugestões de medidas e aprimoramentos nos serviços jurisdicionais”, ressalta.

Trâmite

As manifestações encaminhadas à Ouvidoria são tramitadas através do Sistema de Controle de Protocolos e Processos (SCPP). Cada uma delas recebe um número seqüencial pela Ouvidoria, sendo posteriormente enviada para o Setor de Protocolos da Casa, onde recebe um novo número repassado ao manifestante, através do qual ele pode obter informações acerca do andamento da respectiva reclamação.

"A Ouvidoria do TCE tem mobilizado esforços para o cumprimento dos seus objetivos. Tem aumentado o quantitativo de demandas que chegam, sobretudo após a facilitação do acesso por meio do sistema eletrônico do portal da Ouvidoria", afirma o conselheiro-ouvidor.

Histórico

Inaugurada no dia 26 de abril pela conselheira-presidente, Maria Isabel Carvalho Nabuco d´Ávila, a Ouvidoria Geral do TCE/SE foi fundamentada na necessidade de criar instrumentos e mecanismos hábeis que confiram mais agilidade e transparência aos trabalhos e ações desenvolvidas pela Corte de Contas. (Da assessoria)



Política
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
23/12
22:23

Alunos da rede pública conquistam 174 vagas no Campus da Saúde da UFS

Os alunos da rede pública estadual de ensino tiveram uma expressiva vitória no vestibular da Universidade Federal de Sergipe (UFS). Somente no Campus da Saúde, em Lagarto, das 400 vagas disponibilizadas, 174 foram conquistadas por estudantes da rede estadual (ensino regular e Pré-Universitário). Esse resultado equivale a 43,5%, ou seja, quase metade das vagas.  Foram 18 aprovados para o curso de Odontologia, 12 para Medicina, 20 para Fisioterapia, 24 para Nutrição, 30 para Fonoaudiologia, 21 para Farmácia, 25 para Terapia Ocupacional e 24 aprovados para o curso de Enfermagem. Essa vitória é fruto das ações do Governo de Sergipe, que foram fundamentais para o sucesso dos alunos no Vestibular 2012 da UFS. O resultado parcial aponta que pelo menos 2.239 alunos da rede estadual já foram aprovados. Esse número representa um aumento de 13% em relação ao número de aprovados no vestibular 2011 da UFS, que foi de 1.980 alunos. (Da assessoria)



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
23/12
21:01

Zé Humberto ajuda o Sergipe a contratar atletas

Zé Humberto, novo treinador do Sergipe, está com um olho no novo elenco e outro nos adversários (Foto: CSSergipe.com)

Sem o elenco completo para competir no Campeonato Sergipano 2012, o novo técnico do Sergipe, Zé Humberto, procurou utilizar a
primeira semana de trabalho para fazer contatos com possíveis reforços para o time, juntamente com o diretor de futebol, Ramon Barbosa, o vice-presidente Beto Hora, e o presidente Genisson Silva. “Estamos buscando algumas contratações e fechando a comissão técnica. Existe um bom senso. Tudo tem transcorrido positivamente e espero que possa continuar da forma que está sendo”, disse o treinador, sem revelar nenhum nome.

O novo técnico está com um olho no novo elenco e outro nos adversários. Ele conta que já pesquisou todas as equipes sergipanas que irão disputar o Estadual. “Sei da capacidade dos jogadores que as outras equipes contrataram, mas também sei que os nossos jogadores também tem capacidade técnica, tem caráter, e acredito que irão fazer um bom campeonato”, avaliou.

A impressão mais forte que lhe chamou a atenção nestes primeiros dias foi a torcida alvirrubra. Percebeu que é forte e carece de conquistas. Por conta disso, tem-se preparado para começar bem, buscar ajustar bem setor por setor para que possa conquistar o título. “O mais importante é que o Sergipe, dentro da sua estrutura, está procurando melhorar. A diretoria está correndo atrás, tentando uma melhora no seu próprio estádio para dar condições aos seus torcedores e atletas também”.

Pressão
Sobre a pressão que tem recebido direta ou indiretamente das pessoas, o treinador diz não o afeta. “A carência e necessidade de um título é normal. Independente se estivesse sem ganhar títulos há um ano ou dois anos, teria que brigar da mesma forma, porque o Sergipe é um time grande”, ressalta o treinador, pontuando que irá procurar fazer o fato do jejum de título uma arma a favor do elenco. “Vamos motivar os jogadores sobre a carência que o clube tem de títulos, mas respeitando os adversários. A cobrança do torcedor e da imprensa é natural. Temos que mostrar alguma coisa e conquistar alguma coisa. Eu vim aqui para isso. Para mostrar o trabalho, resultados positivos e conquistar títulos”.

A fim de alcançar esse alvo, o treinador espera um time aguerrido, que lute e vista a camisa com orgulho. Paulatinamente, Ze Humberto espera implantar sua filosofia de trabalho. “Quem já trabalhou comigo já sabe como sou. Sou um pouco exigente, com certeza, nos meus trabalhos. Procuro ser organizado e manter horários. Sempre digo aos jogadores que tem deveres e funções, comando e comandados, tem que haver um respeito um para com o outro, e dentro disso, nós acabamos colocando uma meta, uma doutrina e uma disciplina. E no grupo que trabalhei, graças a Deus, obtive sucesso”.

Aracaju
Sobre os encantos de Aracaju, o treinador conta que já sabia do potencial turístico da cidade, mas não conheceu muitos lugares, e, se depender dele, vai demorar para conhecer. “Uma coisa que vim foi trabalhar. Quer for acompanhar o meu dia-a-dia vai ver isso. Talvez, eu tenha até pouco tempo para ver a beleza de Aracaju, mas quem sabe numa hora oportuna, numa outra oportunidade, poderia ser. Hoje, vim para trabalhar. Vou estar a disposição do clube as vinte quatro horas do dia”, completou.

Da Assessoria


Esportes
Com.: 0
Por Kleber Santos
23/12
19:47

Sergipe busca equilíbrio no corpo e na mente dos jogadores

Quéops Pereira, Fernanda Machado e Carlson Silva, diretor administrativo do Sergipe. No destaque, a nutricionista Larissa Menezes (Foto: CSSergipe.com)

Visando dar uma condição melhor aos jogadores dentro de campo e fora dele, o Sergipe conta este ano com uma ampla equipe de saúde. Além dos médicos do clube, os atletas colorados recebem os serviços do fisioterapeuta Quéops Pereira, da nutricionista Larissa Menezes e da psicóloga Fernanda Machado. O trabalho deste trio começou de forma embrionária, na verdade, com a preparação dos garotos da Base do clube para disputar a Copa São Paulo de Futebol Júnior. Porém, somente com a equipe profissional a preparação será completa e com medição de resultados.

Na avaliação do fisioterapeuta, Quéops Pereira, o Sergipe carecia de uma estrutura básica nessa área, visto que os jogadores não tinham um preparo ósteo muscular, por exemplo. Foi feita, então, uma averiguação de outros itens, desde o condicionamento físico até a condição nutricional e psicológica do atleta. “Percebíamos uma diferença neste sentido. Havia alguns atletas muito bem fisicamente, mas mentalmente desequilibrados. Então, montamos esta equipe multidisciplinar. E, hoje, podemos dizer que, teoricamente, o Sergipe está amparado em termos de departamento médico de forma completa”, diz Quéops Pereira. “Hoje, posso afirmar que Sergipe é o único clube do estado que tem os quatro profissionais: médico, fisioterapeuta, nutricionista e psicóloga atuando com um atleta só”.

Sobre o trabalho com a equipe de Base, Quéops explica que foi um projeto-piloto, no qual foi feito um serviço de prevenção e tratamento. “Mas a partir de 2012, nós teremos os dados iniciais e poderemos compará-los a cada três meses, com os profissionais”.

Entorse no tornozelo, lesão no joelho, quadril, e lombalgia (dor nas costas) são os problemas mais comuns entre os jogadores de futebol. Na equipe de Base do Sergipe, houve caso de entorse no tornozelo, mas que foi recuperado em sete dias.

Nutrição
Pelo lado da nutrição esportiva – que serve para promover saúde, melhorar o desempenho e otimizar a recuperação pós-exercício – a responsável por esta área no clube é a nutricionista Larissa Menezes. No início de seu trabalho, a profissional da saúde notou que a necessidade energética dos jogadores não era suprida, que em média é de 4 mil calorias, e que só estavam recebendo cerca 1.600 calorias. “Com isso, existia a possibilidade de risco de fadiga muscular e ter o desempenho diminuído”, conta Larissa.

Para sanar este problema, a nutricionista elaborou um novo cardápio alimentar aos jogadores, com ênfase no carboidrato e proteína, uma vez que um melhor desempenho físico passa antes por mudanças estruturais na cozinha e um plano alimentar.

Psicologia
Apesar de ser uma ciência nova, a psicologia esportiva já está sendo oferecida aos novos atletas do Sergipe, através da psicóloga Fernanda Machado. A ideia é que corpo e mente trabalhem em equilíbrio, buscando uma alta performance. Os resultados são muitos, como aumento da concentração durante jogos, diminuição do estresse, automatização de cuidados básicos, velocidade de raciocínio para melhores respostas durante o jogo, entre outras.

Com a equipe de Base, a psicóloga realizou uma avaliação psicotécnica em alguns jogadores e percebeu que a maioria precisa de acompanhamento. E esta é a ideia da profissional: fazer um acompanhamento de perto; oferecer um tratamento de psicoterapia individual e em grupo; fazer um trabalho de psicologia organizacional, supervisionando cada setor do clube, da cozinha ao alojamento.

“O Sergipe está começando a melhorar nesta área e vamos conseguir melhorar”, diz Fernanda Machado, acrescentando que pretende realizar palestras motivacionais e dinâmicas de grupos.

Parcerias
Vale destacar ainda que não é de agora que a diretoria do Sergipe se preocupa com a Saúde dos jogadores. Foi firmada em setembro uma parceria com a Rede Primavera a fim de que os atletas sub-18 realizassem uma série de exames como Hemograma, Glicemia, Lipidograma, ASLO, PCR, Sumário de Urina e Parasitológico, e teste Ergométrico. Depois o clube, ainda fechou um convênio com a Clínica Sorcise Radiologia e Documentação Odontológica para cuidar dos dentes dos atletas.

Novos reforços
A diretoria anunciou a contratação do goleiro Tiago Rocha, ex-Figueirense, Bahia e Mogi Mirim. O camisa 1 tem 26 anos, 1,92m, e chegará junto com o restante do grupo no dia 2 de janeiro de 2012.

Fora de campo, o presidente Genisson Silva convidou para ajudá-lo na coordenação administrativa, Gílson Barreto, que é torcedor do Sergipe e funcionário da Emdagro. Gílson estará trabalhando diretamente com o diretor administrativo, Carlson Silva, e o superintendente do clube, Sidrack Marinho.

Da Assessoria


Esportes
Com.: 0
Por Kleber Santos
23/12
09:12

Prorrogadas inscrições do concurso da GMA

 

A Prefeitura de Aracaju prorrogou o período de inscrições do concurso da Guarda Municipal de Aracaju. As inscrições serão reabertas nesta sexta-feira, dia 23, e prosseguem até o dia 9 de janeiro de 2012. "Há um dispositivo na legislação municipal que estabelece que o prazo mínimo de inscrição para concurso seja de 30 dias. O que estamos fazendo é apenas cumprindo a lei", informou o prefeito Edvaldo Nogueira.

A Lei 3.334, de 8 de março de 2006, sancionada pelos então prefeito Marcelo Déda e vice-prefeito e secretário Municipal de Governo, Edvaldo Nogueira, estabelece o período mínimo para as inscrições. A medida resultou de um projeto de lei do ex-vereador Pedrinho Andrade.

Com as inscrições iniciadas no dia 1º de dezembro, o concurso da Guarda Municipal de Aracaju já conta com mais de 21 mil inscritos para as 100 vagas ofertadas, das quais cinco estão destinadas a pessoas portadoras de necessidades especiais. O cargo de guarda municipal exige nível médio e terá jornada de 42 horas semanais.

"Quando chegamos à Prefeitura, já há mais de dez anos, não havia os guardas municipais. O trabalho era feito por vigilantes. Nós criamos a Guarda, criamos o plano de carreira, e apenas neste ano investimos R$ 4 milhões", lembrou o prefeito, comemorando a realização de mais um concurso.

O concurso será dividido em duas etapas: a primeira consistirá na aplicação de provas objetivas, exame de aptidão física e exame psicotécnico, todos de caráter eliminatório. A segunda etapa do concurso consistirá no curso preliminar de formação, de caráter eliminatório e classificatório. Nessa etapa os classificados participarão de um curso preliminar com duração de 40 horas, quando conhecerão o trabalho e atribuições do cargo pretendido.

(Da assessoria)



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
23/12
09:00

Adema emite licenças que beneficiarão centenas de famílias em assentamentos


A Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) emitiu na manhã de hoje, 22, para o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrário (Incra) o montante de 32 Licenças de Instalação e Operação (LIO), destinadas a Assentamento de Áreas Reformadas no Estado. Segundo o secretário do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Genival Nunes, o número impressiona e bate Record entre órgãos ambientais, uma vez que Sergipe passa a ser o único Estado do Brasil a conceder maior quantitativo da LIO de uma única vez.

 

A obtenção da LIO é pré-requisito para a liberação de créditos bancários e para a implantação do processo produtivo em áreas de reforma agrária. A partir da iniciativa, exatas 1.246 famílias de trabalhadores rurais serão beneficiadas em dez municípios sergipanos. Para o secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Genival Nunes, que também preside a Adema, a ação do órgão ambiental compreende a um marco na história do licenciamento.

(Da assessoria)



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
22/12
19:38

Confiança sub-17 está na semifinal do Sergipão

Os garotos da Associação Desportiva Confiança seguem invictos na disputa do Campeonato Sergipano de Futebol, categoria sub-17. Na tarde desta quinta-feira, 22, os proletários enfrentaram a equipe do Propriá e venceram nos pênaltis por 5 a 3. No tempo normal, o placar ficou em 0 a 0.

Os gols do Confiança foram marcados por Caio, Edson, Lucas Rocha, Marcelinho e Cleiton. Até o momento o Confiança disputou 6 jogos (4 vitórias e 2 empates), marcou 31 gols e sofreu 4.

Com a vitória, os azulinos passam para a semifinal do Sergipão 2011, onde vão enfrentar o Sergipe. A partida será realizada na tarde da próxima terça-feira, 27, no Campo do Petroclube. O horário ainda será confirmado pela Federação Sergipana de Futebol.

Da Assessoria


Esportes
Com.: 0
Por Kleber Santos
22/12
18:40

Gramado do João Hora está quase pronto

(Crédito: CSSergipe.com)

No dia 29 de janeiro, quando o Sergipe der seu pontapé inicial no Campeonato Sergipano de 2012, no Estádio João Hora, o torcedor colorado vai encontrar um verdadeiro tapete no gramado. Pelo menos, é esta a aposta do superintendente do Sergipe, Sidrack Marinho, que diariamente vem coordenando os dois funcionários responsáveis para fazer a reforma do mesmo.

“Mais de 80% do gramado foi trocado, já está praticamente em condições de jogo, basta apenas aparar. Estamos esperando alguns setores serem compactados. Com certeza, no dia 29 de janeiro, o gramado estará perfeito e em condições de jogo”, disse o superintendente.

Por conta do sol forte, tem-se utilizado água do poço para molhar o gramado. Foi feita a recuperação de poço e da bomba que estava quebrada. “Tinha muita lama no poço. Tiramos três caminhões de entulhos. Mas agora está tudo ‘ok’”, conta Sidrack.

Sobre a manutenção, após o fim das reformas, o superintendente diz que vai deixar uma pessoa responsável para continuar a cuidar do gramado para retirar mato, praga e ‘capim-de-burro’ (nome popular de uma planta que nasce em gramados). “Mesmo colocando placas novas o ‘capim-de-burro’ tem aparecido. Temos que tirar, senão vai tomar conta do gramado todo”, alerta.

Não é apenas o gramado que tem tido um cuidado especial, mas todo o estádio. O alambrado está sendo trocado, com a colocação de novas telas, para depois ser pintado; a arquibancada passa por reformas nos locais quebrados e também será pintada. Depois haverá a reforma da cabine da imprensa. Inclusive, todo o material já está no estádio. O último setor será o vestiário do árbitro, que terá toda a proteção necessária, assim como o vestiário dos visitantes.

Apoio
A diretoria do Sergipe tem conseguido dar conta de tamanha reforma, sobretudo, em detrimento da solidariedade de amigos. No início, o vice-presidente do clube, Beto Hora, conseguiu através de um amigo 600 metros de grama e duas caçambas de terra preta. A partir daí, as obras não pararam mais. Depois entrou em cena outra peça importante, que foi o conselheiro do Tribunal de Contas e do Sergipe, Reinaldo Moura, que acionou alguns amigos para ajudar. “Conseguiu muitas placas de grama e ferro para a reforma do alambrado”, revela Sidrack.

Da Assessoria


Esportes
Com.: 0
Por Kleber Santos
Primeira « Anterior « 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » Próxima » Última

Enquete


Categorias

Arquivos