21/09
10:22

Guima Motors faz novas contratação

A concessionária Guima Motors, de Aracaju, apresenta seu novo operador de negócios, Sidnei Augusto, formado em Administração e pós graduado em Gestão de Pessoas. Está no mercado automobilístico desde 2002, onde trabalhou com a ampliação do mercado através de diversos bancos, como o Banco ABN Amro Real S/A, BV Financeira e Banco Itaú, além de ter assumido a gestão da concessionária Movida Seminovas.

O desafio da nova aposta da Guima Motors é ampliar as operações da sua linha chinesa, Caoa Chery, da qual possui exclusividade de vendas em Sergipe. Segundo Sidnei, o desafio foi aceito devido aos compromissos audaciosos da Guima Motors em continuar crescendo no cenário nacional com maturidade profissional.

Além do novo Operador de Negócios, a Guima Motors resolveu fortalecer o seu time contratando a empresa Você Vahle, que ficará responsável pela assessoria de comunicação e relacionamento da concessionária. 


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
20/09
07:58

4ª edição do Torneio Socorrense dos Permas de Pau

Nos dias 22 e 23 de setembro, será realizado a partir das 8h, na Praça da Juventude do Marcos Freire 2, em Nossa Senhora do Socorro (SE), a 4ª edição do Torneio Socorrense dos Pernas de Pau . Tendo surgido como uma brincadeira, o evento  trabalha de forma conjunta, estimulando o esporte, cultura e o âmbito social no município da Grande Aracaju. 

Na parte esportiva ocorre uma competição de Futsal, arbitrada pela Federação Sergipana com a participação de 18 equipes (234 jogadores). Já na parte cultural, é realizado uma intervenção cultural, com: Música ao vivo, apresentações teatrais, rodas de capoeira, etc.

No que tange às causas sociais, serão sorteados habilitação, bicicleta, Kits de suplementos, brindes, barca de açaí, barca de sushi, headphones, entre outros brindes. Para concorrer aos prêmios, basta  levar  1kg de alimento e trocar por um bilhete ou pelo instagram do evento @torneiodospernasdepau.

Os alimentos arrecadados, serão  doados para famílias carentes do município em áreas de vulnerabilidade social.


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
20/09
07:49

12ª Primavera dos Museus debate educação museal

Encontro acentuou ações fundamentais para integração entre população e museus

Foi realizada nesta segunda-feira, 17, no auditório da Universidade Federal de Sergipe (UFS) Campus Laranjeiras, a abertura da 12ª Primavera dos Museus. O evento acontece todos os anos nos museus do país, partindo da proposta lançada pelo Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM), e acolhida pelo Sistema Estadual de Museus (SIEM,) com o apoio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult).

Com o tema ‘Celebrando a educação em Museus’, a realização do evento visa a educação museal, que propõe estratégias e ações para a efetiva integração entre população e museus. Representando o secretário de Estado da Cultura, João Augusto Gama, o superintendente da Secult, Irineu Fontes, enfatizou a relevância da parceria entre a Secult e o SIEM para trabalharem a cultura na educação. “Acreditamos que a cultura é fundamental para melhorar o país e por isso trabalhamos sua identidade e responsabilidade. Precisamos de investimentos e ações na área cultural em todas as suas vertentes, para apresentá-la à população, porque a cultura tem que pertencer ao povo e vice-versa, e isso acontece através do papel que desempenhamos enquanto secretaria de cultura”, ressalta.

Durante toda a manhã houve palestras, apresentação de grupos folclóricos, e vários temas foram discutidos, onde propostas e pontos de vistas foram apresentados, desde um livro histórico sobre os museus sergipanos voltado para professores, acessibilidade urbanística, às histórias por trás das obras, entre muitos outros. Uma das questões levantadas pela professora da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Joseania Miranda Freitas, foi a censura aos museus. Na ocasião, ela frisou que os motivos para tal fato devem ser analisados, a fim de que a diversidade cultural não seja reprimida.

PROGRAMAÇÃO PRIMAVERA DOS MUSEUS

·CENTRO CULTURAL DE ARACAJU
18/09/2018 a 23/09/2018 - 09:00 às 17:00     
EXPOSIÇÃO - Montagem de uma exposição lúdica abordando a temática “Museus: Diálogos com a Educação e Cultura”. Aberta ao público no período em que se comemora a 12ª Primavera dos Museus.

·CENTRO DE MEMÓRIA DA CIÊNCIA E DA TECNOLOGIA EM SERGIPE
18/09/2018 a 19/09/2018 - 09:00 às 12:00
AÇÃO EDUCATIVA - "Aprendendo a Desenvolver uma Alimentação Saudável".
 
·CANINDÉ DO SÃO FRANCISCO - REGIÃO DO ALTO SERTÃO SERGIPANO
23/09/2018 - 06:00 às 17:00
VISITAÇÃO - No Vale dos Mestres e na Fazenda Mundo Novo, onde sítios arqueológicos datam de oito mil anos atrás. A visita servirá para a preservação, difusão e democratização do patrimônio cultural arqueológico.

·MUSEU DA GENTE SERGIPANA
19/09/2018 - 10:00 às 16:00
VISITA MEDIADA - aos espaços expositivos do museu com intérpretes em audiodescrição e Libras.

19/09/2018 - 10:00 às 16:00
EXIBIÇÃO DE FILME - com recursos de audiodescrição e Libras.
21/09/2018 - 14:00 às 16:00
SARAU - "Celebrando a Educação no Museu" - Parceria entre a equipe educativa do museu e Escolas Públicas de Aracaju, que serão convidadas a apresentarem seus projetos na área de música, teatro, poesia e dança.
 
·MUSEU OCEANÁRIO DE ARACAJU
17/09/2018 a 23/09/2018 - 09:00 às 21:00 
EXIBIÇÃO DE FILME - Cine TAMAR, com vídeos sobre as ações educativas e de inclusão social desenvolvidas ao longo do litoral brasileiro.

17/09/2018 a 23/09/2018 - 10:30 às 11:00 
AÇÃO EDUCATIVA - Atividades interativas com tartarugas.

17/09/2018 a 23/09/2018 - 16:30 às 17:15 
AÇÃO EDUCATIVA - Atividades interativas com tubarões.

17/09/2018 a 23/09/2019 - 09:00 às 21:00 
VISITA MEDIADA - com escolas da região.

22/09/2018 a 23/09/2018 - 15:00 às 16:30 
OFICINA - Oficinas educativas com público visitante.

·PALÁCIO MUSEU OLIMPIO CAMPOS
25/09/2018 a 25/10/2018 - 10:00 às 17:00 
EXPOSIÇÃO - com o vestuário de Nossa Senhora das dores, em homenagem ao novenário do doloroso que ocorre em Laranjeiras - SE no mês de setembro.

28/09/2018 - 14:00 às 16:30 
MESA REDONDA - com diretores e membros de antigas instituições educacionais de caráter religioso de Sergipe.

·GAUDINO BICHO
20/09/2018 - 09:00 às 12:00
PALESTRA - "O patrimônio e a educação", ministrada pela professora Aglaé DÁvila Fontes.
Local: No Instituto Histórico e Geográfico de Sergipe.


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
13/09
12:41

Operação “Mata Atlântica em Pé” encontra plantação de maconha no município de Indiaroba

Uma equipe, formada por agentes do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e por militares do Pelotão de Polícia Ambiental (PPAmb), flagrou, nesta terça-feira, 11, uma plantação de aproximadamente 150 pés de maconha, em uma fazenda no município de Indiaroba. O flagrante ocorreu durante ação de combate ao desmatamento da Operação Nacional “Mata Atlântica em Pé”, que começou na última segunda-feira, 10.

A Operação é uma iniciativa do Ministério Público do Estado do Paraná e acontece de forma simultânea em outros estados brasileiros: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Goiás, São Paulo, Espírito Santo, Minas Gerais, Bahia, Sergipe, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Piauí e Ceará.

Em Sergipe, o trabalho de fiscalização é uma atuação conjunta do Centro de Apoio Operacional do Meio Ambiente do MPSE, com o Ibama e com o Pelotão de Polícia Ambiental.

O responsável pela plantação, um senhor de 69 anos, foi levado à Delegacia do município de Santa Luzia do Itanhy. Segundo o Pelotão Ambiental, ele não é o dono da fazenda e relatou que invadiu parte da propriedade, que fica numa reserva de Mata Atlântica, com a finalidade de cultivar a droga. Ainda durante a ação, foi encontrada uma arma de fogo.

Além dos crimes de cultivo do entorpecente e porte ilegal de arma, o suspeito também cometeu crime ambiental ao desmatar uma Área de Preservação Permanente (APP) e, de acordo com o Ibama, a multa pelo desmatamento pode chegar até R$ 7.500 mil.


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
13/09
12:25

Copa do Mundo: trabalho de voluntários tem respaldo em lei própria

A Lei Geral da Copa prevaleceu sobre a lei do serviço voluntário no Brasil.

A Sétima Turma do Tribunal Superior do Trabalho manteve decisão que julgou improcedente pedido do Ministério Público do Trabalho (MPT) para reconhecer vínculo de emprego entre voluntários e o Comitê Organizador Brasileiro da Copa do Mundo FIFA 2014. A finalidade lucrativa da entidade de futebol, em regra, descaracterizaria o serviço voluntário, mas os ministros concluíram que as contratações tiveram autorização da Lei 12.663/2012 (Lei Geral da Copa).

Voluntários

O Programa de Voluntários da Copa do Mundo no Brasil resultou na contratação de 14 mil pessoas. Uma parte atuou sob a orientação do Ministério do Esporte ou das cidades-sede. A outra frente, dirigida pelo Comitê Organizador Brasileiro (COL), desenvolveu atividades principalmente nos estádios.

Na Justiça do Trabalho, o Ministério Público alegou que o COL não poderia usar trabalho voluntário por ser empresa limitada, de caráter privado e que auferia lucros com a realização dos jogos. Sustentou que, no Brasil, o serviço voluntário só pode ser prestado a entidades públicas ou a instituições privadas de fins não lucrativos, conforme o artigo 1º da Lei 9.608/1998, que dispõe sobre essa modalidade de trabalho. Em função da suposta irregularidade, o MPT pediu o reconhecimento das relações de emprego e o pagamento de indenização de R$ 20 milhões por dano moral coletivo.

Lei Geral da Copa

O Comitê, em sua defesa, sustentou que as contratações ocorreram com base no artigo 57 da Lei Geral da Copa. A norma estabelece que o serviço voluntário prestado por pessoa física para auxiliar o COL consiste em atividade não remunerada, que não gera vínculo de emprego nem obrigações trabalhistas ou previdenciárias.

O Supremo Tribunal Federal considerou constitucional a Lei Geral da Copa, que também tratou da Copa das Confederações FIFA e da Jornada Mundial da Juventude, realizadas no Brasil em 2013. Apesar de não analisar especificamente o serviço voluntário, o STF julgou válidas as concessões previstas no documento, que decorreu da aprovação e da vontade soberana do Estado brasileiro de receber os eventos. Para o relator no Supremo, ministro Ricardo Lewandowski, os estímulos listados na Lei Geral da Copa foram legítimos para atrair o evento da FIFA.

Justiça do Trabalho

O juízo da 59ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro julgou improcedentes os pedidos do Ministério Público, com o entendimento de que o serviço voluntário previsto na Lei da Copa não está sujeito às limitações determinadas pela Lei 9.608/1998. O Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (RJ) manteve a sentença.

Para o TRT, a necessidade da mão de obra voluntária em eventos esportivos de grande magnitude permite que essa modalidade de trabalho assuma contornos específicos para viabilizar as competições. Ainda de acordo com o Tribunal Regional, na relação entre os voluntários e o Comitê Organizador não ficaram evidenciadas as características do vínculo de emprego fixadas nos artigos 2º e 3º da CLT. Não havia, por exemplo, obrigação de comparecimento.

Legislação própria

O relator do recurso de revista do MPT, ministro Cláudio Brandão, votou no sentido de não admitir o recurso, sem, no entanto, deixar de manifestar seu entendimento sobre o caso. Segundo ele, embora o COL seja pessoa jurídica de direito privado, a Lei Geral da Copa permitiu expressamente o serviço voluntário na organização e na realização dos eventos.

O ministro explicou que a lei foi o instrumento adotado para internalizar, no plano jurídico, garantias conferidas pelo país à Federação Internacional de Futebol (FIFA). A Federação exige previamente do país-sede da Copa do Mundo a adoção de procedimentos para viabilizar o evento, entre eles a edição de leis.

Tendo em vista a decisão do STF sobre a constitucionalidade da Lei Geral da Copa, e tendo em vista que ela resultou de compromisso assumido pelo Brasil com a FIFA, o relator concluiu que o serviço voluntário na Copa do Mundo de 2014 não se sujeitou à limitação prevista no artigo 1º da Lei 9.608/98.

A decisão foi unânime.

Fonte: TST


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
13/09
12:23

Dia de Combate ao Feminicídio virou lei em Sergipe

Diante de dados alarmantes de violência doméstica e familiar contra a mulher, foi instituído no calendário de eventos do Estado de Sergipe o Dia Estadual de Combate ao Feminicídio. De acordo com Projeto de Lei nº 247 de autoria da deputada estadual Goretti Reis (PSD) a data será lembrada no dia 29 de julho, através de campanhas de sensibilização.

Conforme dados da Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal (CEACRIM), em 2017, Sergipe registrou mais de 40% dos homicídios de mulheres do que os dois anos anteriores. Em 2016 foram contabilizados 51 casos e em 2015, 62 mortes de mulheres.

“É possível dizer que toda semana uma mulher é assassinada no Estado. Em todo o país, a taxa de feminicídio é de 4,8 para cada 100 mil mulheres, a 5ª maior do mundo, de acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS)”, destacou a parlamentar. 

Goretti acrescentou que dados os números de casos registrados no Estado de Sergipe torna-se relevante a instituição da data, pois trata-se de uma data que consolida elevados números de casos ocorridos. “Este dia será símbolo da luta contra os crimes de gênero para que se possa conscientizar a população acerca dos elevados números de crimes praticados contra as mulheres em todo o Estado de Sergipe”, completou.


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
13/09
12:22

Seu Marcos cobra transparência de informações de Sindicatos

Após negociar com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) os descontos realizados nos contracheques dos Agentes Comunitários de Saúde e de Endemias, o vereador Seu Marcos (PHS) alertou os sindicatos, que estão a frente dos movimentos, sobre a importância da transparência nas informações passadas durante o período de greve.

O desabafo foi feito na manhã desta quarta-feira, 12, durante fala na tribuna da Câmara Municipal de Aracaju (CMA). Segundo ele, muitos trabalhadores não sabiam que a greve dos Agentes Comunitários de Saúde e de Endemias era considerava ilegal pela SMS. "É preciso que os dirigentes que estão a frente da greve informe as categorias quando o movimento está sendo considerado ilegal. Tem que ter cuidado. Muito foi defendido nesta tribuna sobre a reposição dos descontos realizados no contracheques dos agentes, mas muitos deles não sabiam que a greve estava com parecer ilegal. Peço seriedade e transparência durante o processo", apelou o vereador.

"Faço parte da categoria e há muitos anos milito na causa, porque sou agente de saúde pública, mas em conversa com a coordenadora Taise Cavalcante, fiquei sabendo de fato o que aconteceu. Os descontos foram realizados por causa dos atendimentos às famílias que não foram realizados. Fizemos um acordo para a regularização das visitas, mas é preciso transparência por parte de quem esta a frente do movimento grevista. Precisamos saber o momento de recuar e avançar, mas acima de tudo informar os riscos e as consequências de uma greve", alertou.

Foto: Gilton Rosas
 


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
13/09
12:12

Mudança de circulação no cruzamento da avenida Augusto Franco

Na manhã desta quarta feira, 12, A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) iniciou o novo esquema de trânsito no cruzamento da avenida Augusto Franco com Padre Nestor Sampaio. Com a retemporização dos semáforos do cruzamento, o condutor não poderá mais convergir à esquerda em nenhum dos sentidos, proporcionando melhor fluxo de veículos, evitando congestionamentos, menos acidentes, além de oferecer uma travessia segura aos pedestres e ciclistas na região.

O condutor que segue pela avenida Augusto Franco, no sentido zona Sul da cidade, não poderá mais entrar à esquerda para acessar a avenida Padre Nestor Sampaio, no bairro Ponto Novo. Quem segue pela avenida Augusto Franco e deseja acessar a avenida Nestor Sampaio terá duas opções: poderá retornar no viaduto do Detran, seguindo pela avenida Augusto Franco e fazendo a manobra embaixo do viaduto; e poderá entrar à direita após o cruzamento, na rua Francisco de Assis Delmondes (ao lado da EMURB) e seguir pela rua João Soares Nascimento (atrás do GBarbosa) até chegar à avenida Nestor Sampaio.

Os demais acessos permanecem os mesmos e toda a sinalização vertical e horizontal foi refeita para a nova regra de circulação. Durante o período de adaptação à mudança, agentes de trânsito estarão no cruzamento orientando a população.

Foto: Ascom/ SMTT


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
1 2 3 4 5 6 » Próxima » Última

Enquete


Categorias

Arquivos