16/07
11:29

Arrecadação do ICMS em Sergipe cresceu 6,1%, em maio

Análise realizada pelo Boletim Sergipe Econômico, parceria do Núcleo de Informações Econômicas (NIE) da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES) e do Departamento de Economia da UFS, com base nos dados do Conselho Nacional da Política Fazendária (Confaz), apontou que a arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS), em Sergipe, ultrapassou os R$ 269,2 milhões, em maio deste ano.

Em termos relativos, verificou-se aumento real de 6,1% na arrecadação do imposto, quando comparado à arrecadação de maio do ano passado, considerando o efeito da inflação, medida pelo IPCA. Por sua vez, no comparativo com a quantia arrecadada em abril último, verificou-se queda de 2,6%.

Com os dados de maio, a arrecadação do imposto nos cinco primeiros meses do ano, ultrapassou R$ 1,3 bilhão, registrando alta de 2,3%, em termos reais, em comparação com o mesmo intervalo de 2017.

Outros tributos recolhidos em Maio/2018

A arrecadação do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), no mês analisado, ultrapassou os R$ 14,1 milhões. Em termos relativos, houve declínio de 7,5% sobre maio do ano passado. No entanto, em relação ao mês imediatamente anterior, abril deste ano, observou-se elevação de 1,6%. No acumulado do ano (janeiro a maio), a arrecadação do imposto aumentou 3,5% em relação ao mesmo período de 2017.

O recolhimento do Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCD) ficou acima de R$ 1,2 milhão, enquanto isso, as taxas pagas em função da contraprestação de algum serviço público recolheram R$ 36,6 mil aos cofres do estado, no mês analisado.

Arrecadação do ICMS em Maio/2018

Setor

Valor Arrecadado (em R$)

Acumulado em 2018* (em R$)

Setor Primário

11.077.481

63.259.846

Setor Secundário

64.041.096

318.341.959

Setor Terciário

106.630.228

555.595.417

Energia elétrica**

28.108.888

142.229.881

Petróleo, combustíveis e lubrificantes**

54.618.139

279.440.384

Dívida Ativa

3.176.575

12.600.734

Outras fontes

1.598.975

7.460.206

TOTAL

269.251.382

1.378.928.427

*: Em termos nominais, sem considerar a inflação no período;

**: Setores secundário e terciário;

Fonte: Confaz

Elaboração: NIE/FIES.
 

NIE/FIES 

Unidade de Comunicação do Sistema Fies - UNICOM



Variedades
Com.: 0
Por Redação
14/07
14:57

PF ajudará UFS na organização do sistema de segurança

A superintendente da Polícia Federal, Erika Mialik Marena, e equipe de delegados visitaram o reitor da Universidade Federal de Sergipe, professor Angelo Roberto Antoniolli, para tratar da segurança do Campus de São Cristóvão. Foram apresentadas pela gestão da Universidade Federal de Sergipe a estrutura de segurança atual, os principais problemas enfrentados e as ações que já vêm sendo adotadas.

 

“Estamos buscando diálogo contínuo e análise com os especialistas no assunto para tirarmos o melhor proveito possível da infraestrutura de segurança de que dispomos”, afirmou o reitor. Em especial, dois temas permearam o diálogo com a equipe da PF: o auxílio nas ações de monitoramento e a formalização de um convênio e termo de cooperação entre as duas instituições.

 

A superintendente da PR disse que “percebemos a relevância da universidade e somos responsáveis pela segurança de seu patrimônio, mas também podemos e vamos auxiliar ao máximo, dentro de nossas limitações, nas ações preventivas que estão sendo buscadas”. A Polícia Federal se colocou à disposição para oferecer treinamento aos servidores que trabalham monitorando as imagens captadas pelas câmeras de segurança da UFS. Além disso, irão também apoiar o trabalho de reposicionamento das câmeras atuais e das que ainda serão instaladas.

 

Ficou estabelecido o encaminhamento de proposta de convênio de cooperação técnica nas áreas de interesse das duas instituições. Um dos objetivos seria a promoção de maratonas de programação para criação de soluções de segurança que atendessem não só à universidade e à Polícia Federal, mas a outras instituições e à sociedade como um todo.



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
12/07
08:16

Projeto sergipano de inovação conquista terceira colocação em disputa nacional

Desenvolvido e pensado para a indústria 4.0, o Projeto Ergo Plus foi idealizado para servir como uma ferramenta de solução tecnológica para averiguação das condições ergonômicas do colaborador durante a execução de suas funções no ambiente de trabalho. De acordo com o escopo da iniciativa, a indústria poderá se beneficiar tanto pelo menor tempo despendido para esse tipo de exame, além da praticidade porque, através desta nova tecnologia, o trabalho pode ser feito de forma remota e no próprio local de trabalho.

O projeto foi desenvolvido, visando atender às normas ergonômicas da legislação NR-17, fazendo com que o colaborador execute suas funções de maneira que seja a mais confortável e a mais adequada possível, de forma segura e eficiente, sem prejuízos à saúde do trabalhador.   

“O Ergo Plus é uma aplicação web responsive que diminui o tempo e os gastos de uma análise ergonômica, que pode ser armazenada de forma digital, não necessitando a impressão da mesma. Além disso, possibilita uma enorme praticidade com relação ao profissional ergonômico”, explica o instrutor do SENAI, Jailson Santos. De acordo com o instrutor, o profissional poupará tempo em suas análises já que todo o processo é automatizado.
 
O Projeto, criado e desenvolvido por alunos do SENAI Sergipe, disputou a etapa final do Inova SENAI, durante a Olimpíada do Conhecimento em Brasília, ganhando destaque entre outros bons Projetos apresentados por alunos de outros Estados do Brasil, e após avaliação da bancada técnica de jurados, conquistou o terceiro lugar (medalha de bronze).
 
O Projeto Ergo Plus é fruto de estudos e atividades da equipe de alunos do curso Técnico em Desenvolvimento de Sistemas do SENAI Sergipe – Gabriel Luiz, Ulisses Mateus Alves, João Victor Andrade e Cristian de Giovanni – orientados pelo instrutor, Jailson Santos. Os alunos tiveram ainda o suporte da instrutora, Thuany Reis e do ex-aluno do curso, Matheus Correia.

Unicom/FIES


Variedades
Com.: 0
Por Redação
12/07
07:33

Esquadrilha da Fumaça se apresenta em Aracaju neste domingo

Neste domingo, 15, o céu da Orla da Atalaia será palco de um verdadeiro espetáculo. Doze anos depois, a Esquadrilha da Fumaça está de volta à capital em uma apresentação que homenageia a emancipação política do Estado, comemorada no dia 8 de julho. O evento, organizado pela Prefeitura de Aracaju, acontece às 15h em frente a Passarela do Caranguejo.

Aracaju será a segunda cidade a receber a Esquadrilha da Fumaça, que realiza um circuito de demonstrações aéreas nas regiões Norte e Nordeste do país entre os dias 12 e 30 de julho. Antes de chegar à capital sergipana, os Fumaceiros, como são conhecidos hoje, vão se apresentar em Salvador e depois seguirão para Recife.

Na apresentação em Aracaju, o público verá uma das fabricações da Força Aérea Brasileira: o A-29 Super Tucano. Com fabricação da Embraer, o avião já foi utilizado em missões de defesa aérea, escolta, ataque leve, treinamento avançado, patrulha aérea de combate e formação de líderes da aviação de caça. Retomada, desde 2015, demonstrações aéreas com o Super Tucano, a esquadrilha realiza manobras com as aeronaves em suas exibições.

No total, o espetáculo conta com sete pilotos em sete aeronaves, cada um com uma posição função específica. Um oitavo piloto fica em solo realizando a locução. Geralmente, a demonstração da Fumaça tem duração de 35 minutos e conta com cerca de 50 acrobacias.

A Esquadrilha

Localizada em Pirassununga, cidade a 208 km de São Paulo, a Esquadrilha da Fumaça foi fundada em 1952, e se apresenta desde 14 de maio de 1954. Hoje, a equipe da esquadrilha conta com 13 oficiais aviadores, um médico, um especialista em aviões, três oficiais de Comunicação Social e uma equipe de graduados especialistas.

Com mais de 3.800 demonstrações realizadas no Brasil e em 21 países, a Esquadrilha da Fumaça representa para milhares de pessoas a oportunidade de estabelecer contato, de maneira emocionante e inesquecível, com a Força Aérea Brasileira.
 
 


Variedades
Com.: 0
Por Redação
11/07
09:37

Delegação Sergipana conquista primeiro lugar geral em campeonato nacional de Karatê-Dô

Caratecas de todo o Brasil se encontraram dos dias 05 a 07 de julho em Aracaju para a disputa do I Campeonato Nacional Superliga de Karatê-Dô. A competição foi realizada no ginásio do SESI, no conjunto Augusto Franco e reuniu atletas de estados como Rio de Janeiro, Bahia, Maranhão, Pernambuco, entre outros.

Anfitriã do evento, a delegação sergipana composta por 125 atletas fez bonito na competição e conquistou o primeiro lugar geral com 67 medalhas de ouro, 49 de prata e 34 de bronze, totalizando 150 medalhas. Em segundo lugar ficou o estado do Maranhão, terceiro Rio de Janeiro, quarto Distrito Federal e em quinto lugar Pernambuco.

Um dos destaques da delegação sergipana é que muitos atletas fazem parte de projetos sociais como o Samurai e Fumaça Zero. O Projeto Fumaça Zero, por exemplo, parceria da Polícia Militar do Estado de Sergipe com o Serviço Social da Indústria (SESI) de Sergipe tem ganhado destaque pelo excelente desempenho dos atletas.

O projeto de prevenção ao uso de drogas surgiu com o objetivo de atender crianças e adolescentes dos principais bairros carentes de Aracaju. Atualmente, com a ajuda de voluntários e parceiros como o SESI, uma média de 800 crianças e jovens são atendidos em 13 polos espalhados pela cidade.
 
 
 
Homenagem 70 anos SESI Sergipe

Na oportunidade, foi feita uma homenagem ao SESI Sergipe que completou este ano 70 anos de grandes atividades em prol do desenvolvimento do estado, sempre cumprindo seu papel de transformar vidas e desenvolver cada vez mais a indústria. Parceira do evento, a instituição apoia vários projetos sociais que incentivam a prática de esporte, em especial, o Karatê. O superintendente do SESI aqui no estado, Acrizio Souza, esteve presente para receber as homenagens e prestigiar o evento.

Unicom/FIES

 



Variedades
Com.: 0
Por Redação
11/07
08:16

Premiação define o melhor pão francês de Sergipe

No dia 8 de julho foi comemorado o dia do panificador e em Sergipe a comemoração veio em dobro, pois nesta data também foi realizada a premiação do melhor pão francês do Estado, conhecido na região como pão jacó. O evento foi promovido pelo Sindicato das Indústrias de Panificação e Confeitaria do Estado de Sergipe (Sindipan-SE) em parceria com a Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES) e aconteceu no complexo desportivo do SESI, em Aracaju, com a presença de representantes do sindicato, empresários, parceiros e convidados.

A campanha que elege o melhor pão está em sua 4ª edição e este ano contou com a inscrição de 140 padarias da Grande Aracaju e do município de Estância. Foram 40 classificadas e apenas três ficaram como finalistas. O evento teve sorteio de brindes, degustação de pães e um almoço regado de muita dança ao som da banda Estação da Luz.


O intuito do concurso anual é estimular a qualidade do produto mais consumido no Brasil, e o estabelecimento que cumpriu com os critérios obrigatórios da ABNT e conquistou o título de primeiro lugar, foi a padaria União, seguida respectivamente da Panificação Ideal e Pandeli Delicatessen, todas localizadas em Aracaju. E o prêmio se estendeu também para aqueles que literalmente colocam a mão na massa e contribuem para o resultado positivo do produto, os padeiros.

Para o proprietário da padaria União, Carlos Alberto Paixão, o prêmio foi uma consequência de um trabalho desenvolvido em conjunto, “ para nós a vitória é motivo de satisfação, o reconhecimento nos valoriza, dignifica o nosso trabalho, que é fruto de uma grande parceria entre funcionários, fornecedores e clientes”, afirmou Carlos, que ganhou 20 sacas de 50 kg de trigo para auxiliar na produção.
Para tornar possível a realização deste evento, que homenageia o alimento mais querido da mesa dos brasileiros, foi importante conquistar parcerias e uma das empresas que tem presença garantida em todas as edições é a Moinho Motrisa Sarandi, que no mês de junho completou 84 anos de tradição. O evento também contou com outras parcerias importantes, como o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e o curso de gastronomia da Universidade Tiradentes.

O gerente comercial da Sarandi, Cid Niceas, considera a parceria com o Sindipan, na promoção deste concurso, como uma oportunidade de aperfeiçoar o trabalho dos profissionais deste segmento e ainda se orgulha por fazer parte de uma empresa que produz a matéria-prima necessária para a fabricação do alimento mais comum na vida do cidadão.


Para o Presidente do Sindipan, Antonio Carlos Araújo, esta data tem suma importância no reconhecimento do trabalho dos panificadores e funcionários, que se empenham em garantir um produto digno para a clientela sergipana, bem como traz a oportunidade de reunir amigos e famílias em clima de confraternização. “ Muitas vezes não é fácil reunir todo mundo por causa dos afazeres do dia a dia, mas aqui temos esta oportunidade. Existe a preocupação de valorizar o trabalho de todos e ainda proporcionar um momento de descontração para os profissionais da área”, explica.

Unicom/FIES



Variedades
Com.: 0
Por Redação
10/07
11:28

Aracaju - TJ mantém decisão contra as faixas para ônibus e gera prejuízo para mobilidade

O Tribunal de Justiça manteve, nesta terça-feira, 10/07, a decisão que determinava a retirada das faixas exclusivas e prioritárias de ônibus em Aracaju. Dessa forma os mais de 230 mil passageiros que utilizam diariamente o transporte coletivo, quase 70% dos deslocamentos da população, estarão agora disputando o mesmo espaço das vias que os usuários de carro particular, que podem escolher horário e local para trafegar. A decisão contrária às faixas para ônibus configura-se como o único caso no país, compromete o cumprimento dos horários das linhas do transporte coletivo, e prejudica diretamente a mobilidade urbana como um todo, uma vez que o ônibus, que pode transportar até 60 pessoas, volta a estar sujeito à ocupação total das vias por carros particulares que transportam em média 1,3 pessoas por veículo. O setor de transporte coletivo irá recorrer contra decisão. (da assessoria do Setransp)



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
10/07
10:49

Secretário de Educação se reúne com diretores de escolas do Baixo São Francisco

 

O secretário de Estado da Educação, professor Josué Modesto, continua com o ciclo de reuniões com as Diretorias de Educação da Rede Estadual. Na manhã de segunda-feira, 9, foi realizada mais um encontro com diretores de escolas da rede estadual de ensino, desta vez no município de Propriá, no auditório do Centro de Excelência Joana de Freitas Barbosa, onde estiveram presentes gestores das 42 unidades de ensino pertencentes à Diretoria Regional de Educação 6, território do Baixo São Francisco.


Essa foi a segunda reunião com gestores escolares e nela eles apresentaram demandas relacionadas a infraestrutura das escolas, quadro de pessoal, transporte, merenda e internet. O primeiro foi realizado em 27 de junho, com os diretores das 21 unidades de ensino gerenciadas pela Seed sob a circunscrição da DRE 1, que abrange nove municípios do território Sul Sergipano.



A reunião contou com a presença da diretora da DRE 6, Julianne Pereira Bastos; do diretor do Departamento de Recursos Humanos (DRH), Jorge Costa Cruz Júnior; da diretora do Departamento de Educação (DED), Ana Lúcia Lima; do coordenador da Cogedam, Jason Reis e do diretor da Engenharia da Seed, Valdir Pinto Santos.


Diálogo e aproximação


O ciclo de reuniões tem como proposta aproximar a gestão central da Secretaria de Estado da Educação (Seed) dos gestores das unidades escolares que são gerenciadas pela pasta. Os participantes da reunião destacaram a importância desse diálogo aberto com o secretário.


De acordo com a diretora do DED, Ana Lúcia Lima, o encontro demonstra o estreitamento das relações. “O secretário vai às Diretorias Regionais de Educação para ouvir todos os diretores e coordenadores, ouvir as necessidades das escolas, sentir o que está precisando melhorar em termos de estrutura física e pedagógica. Com esta ação ele pode conhecer os gestores e fazer uma avaliação da oferta da educação no estado de Sergipe”, afirmou.


A diretora da DRE 6, Julianne Pereira Bastos, agradeceu a presença do secretário Josué Modesto, ressaltando a importância do encontro com os diretores. “Essa visita é uma oportunidade para que ele veja a realidade de cada escola. Isso mostra o compromisso dele com a nossa educação. Além disso, os gestores também estão comprometidos para que as soluções dos problemas se agilizem. Creio que assim a gente se encaminha para uma educação de qualidade para os nossos alunos”, disse.

 



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
1 2 3 4 5 6 » Próxima » Última

Enquete


Categorias

Arquivos