17/11
16:13

Defesa Civil Estadual, Municipal e CREA apresentam parecer técnico sobre camarote da Odonto

Os órgãos concluíram que a má conservação da estrutura evidenciada pelo avançado estado de corrosão dos elementos estruturais, a utilização de materiais diversos sem especificação e a ausência de um projeto de montagem contribuíram para o colapso parcial, progressivo e lento da estrutura

Em entrevista coletiva realizada na manhã desta sexta-feira, 17, o Departamento Estadual de Proteção e Defesa Civil (Depec), a Defesa Civil Municipal e o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Sergipe (CREA) apresentaram parecer técnico sobre o desabamento do camarote da Odonto Fantasy 2017. Os órgãos concluíram que a má conservação da estrutura evidenciada pelo avançado estado de corrosão dos elementos estruturais, a utilização de materiais diversos sem especificação e a ausência de um projeto de montagem contribuíram para o colapso parcial, progressivo e lento da estrutura.

De acordo com o cel. Alexandre José, diretor do Depec, o objetivo principal do parecer é contribuir com a investigação que está sendo conduzida pela Policia Civil de Sergipe. “A Defesa Civil e o CREA estão emitindo um parecer técnico, mas quem vai indicar a responsabilização pelo ocorrido é a autoridade policial, conforme o laudo conclusivo que será emitido pelo Instituto de Criminalística. Hoje, estamos aqui entregando esse parecer para contribuir com as investigações”, pontuou.

Entre os pontos destacados no relatório estão pintura desgastada e ruptura na solda, oxidação galvânica e corrosão interna da estrutura; corrosão também dos suportes do encaixe da viga, ocasionando a fratura da junção soldada. Foi observado pelos órgãos, ainda, que pontos de corrosão atravessaram a espessura do tubo e que os elementos estruturais apresentaram perda de seção significativa, tornando a estrutura mais frágil em termos de capacidade de carregamento.

A NBR 6120/1980 aponta que a capacidade de resistência para estruturas montadas de arquibancadas é de 400 Kg/m². Somando a essa carga os coeficientes de segurança exigidos por norma, o camarote teria que suportar cerca de 600 Kg/m². “Diante disso, tecnicamente, é improvável se falar em superlotação. O que se pôde observar foi, realmente, graves problemas de resistência na estrutura e deficiências no processo de montagem”, considerou o Capitão Silvio Prado, da Defesa Civil Municipal.

Ainda conforme o parecer, nenhuma das duas anotações de responsabilidade de provas de carga de estrutura apresentadas correspondem à estrutura montada. E esta, por sua vez, não possui projetos que atestem a capacidade de carga bem como o tipo de perfis metálicos utilizados. Arames e pregos foram utilizadas em diversas ligações e foram identificadas, ainda, deformidades em elementos estruturais como vigas e pilares, devido à montagem e desmontagem forçada.

CREA
Para o presidente em exercício do CREA, Tadeu Maciel, a ocorrência de um acidente pressupõe a existência de um conjunto de fatores. “Estrutura corroída; ausência de projeto; estrutura montada de forma aleatória, usando prego, arame; etc. Existe Engenharia pra isso. Tem que ter projeto bem elaborado. Os profissionais que assinam esse documento têm que acompanhar a montagem realmente. Não tem desculpa. Tem sim como fazer de forma segura, rastreável, com projeto, com segurança”, pontuou.

Ainda de acordo com ele, o profissional que assina a Responsabilidade Técnica responde também pelas eventuais consequências de um acidente. Para apurar, o CREA irá abrir um procedimento interno. “O CREA irá convocar a empresa e o profissional para que a Câmara de Civil possa avaliar a admissibilidade do processo. Em se admitindo, esse profissional será encaminhado ao Conselho de Ética, conforme a Lei Orgânica da Engenharia, e será avaliado, com direito a ampla defesa. Caso seja realmente concluída a sua responsabilidade, ele pode ser submetido desde a uma sanção pública até a cassação do seu registro. Não estamos ainda imputando culpa, mas já sim a responsabilidade de explicar para o conselho o porquê do ocorrido”, disse Tadeu Maciel.

Laudo conclusivo
Nestor Barros, do Instituto de Criminalista de Sergipe, afirma que, vinculado à Secretaria de Segurança Pública (SSP), o órgão está confeccionando o laudo conclusivo. “Fomos requisitados pela autoridade policial e designamos uma equipe de peritos e engenheiros civis, com a parceria da UFS - para onde encaminhamos algumas peças para exame. O material técnico entregue pela Defesa Civil e pelo CREA poderá ser usado complementarmente. Os resultados dos exames serão apresentados pela UFS e, até o final da semana que vem, os peritos do Instituto de Criminalística apresentarão o laudo pericial conclusivo a respeito do evento”, garantiu.

Foto: Ascom/Seidh


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
17/11
16:11

Polícia prende grupo criminoso que planejava explodir agências bancárias em Sergipe

A quadrilha iria agir ontem (16) em Itaporanga D'Ajuda. Com os criminosos foram apreendidos armas, explosivos e drogas

Uma ação conjunta do Departamento de Narcóticos (Denarc) e do Centro de Operações Policiais Especiais (COPE), com o apoio da Divisão de Inteligência da Polícia Civil (Dipol), desarticulou na tarde de ontem (16), uma organização criminosa que planejava explodir agências bancárias na cidade de Itaporanga D’Ajuda. Foram presos Vinícius Augusto Bispo Oliveira, 26, Iuri Souza Almeida, 20, Carlos Marcos Dantas, 42, e Beatriz Cruz Fontes, 32.

Segundo a delegada do Denarc, Danielle Garcia, o grupo vinha sendo investigado há cerca de três meses. “Assim que assumi a delegacia, continuamos as investigações e nesse pouco tempo conseguimos identificar uma grande quadrilha. As investigações à princípio eram voltadas para o tráfico de drogas, mas no meio das apurações percebemos que eles estavam se organizando para fazer assaltos a bancos e a partir disso fizemos a interface com o Cope”, explicou a delegada.

A ação foi possível após uma denúncia anônima dando conta que o grupo iria explodir ainda na noite de ontem caixas eletrônicos em Itaporanga D’Ajuda. “Com a denúncia, na tarde de ontem fizemos a abordagem no povoado Sapé onde apreendemos diversos materiais, armas e entorpecentes. Nesse imóvel conseguimos realizar algumas prisões, mas alguns dos alvos conseguiram fugir. Durante abordagem às pessoas tivemos a informação de outra uma residência na praia do Abaís, em Estância, e ao entrar nesse imóvel os outros integrantes não se encontravam”, relatou o delegado do Cope, Dernival Eloi.

O delegado acredita que as pessoas que estavam na casa do Abaís foram avisadas no momento da primeira abordagem, por isso conseguiram fugir. A quadrilha pretendia iniciar uma série de explosões em Sergipe. “Eles pretendiam explodir vários cashes aqui no Estado. A primeira ação seria realizada ontem à noite em Itaporanga. Em um dos celulares apreendidos foram localizados vídeos de uma agência bancária da cidade, onde o grupo estava visualizando toda a movimentação da agência, inclusive os abastecimentos dos carros fortes”, ressaltou Dernival Eloi.
Na ação, os policiais apreenderam armas, sendo um fuzil, uma espingarda calibre 12 roubada de um policial militar de Alagoas, cinco tabletes de maconha, luvas, ferramentas e aparelhos celulares. Encontraram ainda uma grande quantidade de explosivos e 24 baldes de utensílios pontiagudos, que seriam jogados em via pública para furar pneus das viaturas e atrapalhar o deslocamento da polícia.

Todos os presos são do município de Itaporanga e os outros são dos Estados da Paraíba e de Pernambuco. Nenhum dos envolvidos resistiram a prisão.

Foragidos
O delegado Dernival Eloi acredita que o grupo é composto por mais de dez pessoas. Estão foragidos Jonatas Tenório da Silva - que é apontado com líder da quadrilha e já responde a processos por assaltos e explões a bancos em Pernambuco, de onde conseguiu escapar de um presídio -, Ubatan Pereira da Silva, um homem de pré nome Ítalo, outro identificado apenas por "Pelúcia" e um adolescente de 16 anos.

As investigações continuam a fim de capturar os foragidos e identificar outros possíveis integrantes da quadrilha.


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
17/11
16:01

Diversidade racial, liberdade de gênero e religiosa – MP promoverá Encontro com Movimentos Sociais

A Procuradoria-Geral de Justiça, através da Escola Superior, promoverá o Encontro Estadual do Ministério Público e Movimentos Sociais de Sergipe. O evento é mais um compromisso da gestão de aproximar o MP da sociedade e atende a uma Recomendação do Conselho Nacional do Ministério Público – CNMP, que visa contribuir para o aprofundamento da democracia e da participação social, capacitação das lideranças dos movimentos sociais sobre os serviços prestados pelo MP na defesa dos direitos e sobre o modo de acessá-los.

O Encontro Estadual tem o objetivo de fomentar o debate aberto, transparente e colaborativo entre a Instituição e os Movimentos Sociais em temas ligados à diversidade racial, liberdade de gênero e liberdade religiosa. Durante o debate, os participantes poderão expor aos Promotores de Justiça eventuais ameaças aos seus direitos fundamentais assegurados pela Constituição.

O evento será realizado no dia 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra, das 9h às 17h, no Auditório Valdir de Freitas Dantas, na sede do MP, na Capital.

Inscrições
Para participar do evento, o interessado deve acessar, até o dia 19 de novembro, o site da Escola Superior www.esmp.mpse.mp.br, efetuar o cadastro e a inscrição no Sistema de Gestão de Eventos.


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
17/11
15:59

Governo estuda implantação de "Patrulha Maria da Penha"

O objetivo é prevenir e combater a violência doméstica e familiar contra a mulher

O governador Jackson Barreto afirmou, na tarde desta quinta-feira, 16, que tem todo interesse de contribuir com o combate a violência contra a mulher no estado, ao receber no Palácio de Veraneio uma comissão de mulheres que foi solicitar a instalação da Patrulha Maria da Penha em Sergipe.

A deputada estadual e presidente da Frente Parlamentar em Defesa das Mulheres, Goretti Reis, entregou ao governador a Minuta de Projeto de Lei que estabelece a instituição da Patrulha Maria da Penha em Sergipe. O objetivo é prevenir e combater a violência doméstica e familiar contra a mulher.

“Nunca vi um crescimento tão grande da violência contra a mulher como nos dias atuais. É preciso ações mais firmes, mais duras, mais efetivas na proteção dos direitos das mulheres”, destacou o governador ao informar que estará encaminhando ao secretário de Estado da Casa Civil e vice-governador Belivaldo Chagas e ao secretário de Segurança Pública, João Eloy, a minuta do Projeto para análise.

De acordo com o governador, a Patrulha Maria da Penha é a sequência do trabalho na qual se originou a Lei Maria da Penha. “Essa patrulha dará uma atenção às mulheres que sofreram violência que estão em situação de vulnerabilidade e precisam de proteção. Na hora que ela denuncia, o agressor se sente ofendido e é neste momento que a mulher precisa de uma proteção maior. A patrulha vai dar essa proteção para evitar que o agressor repita a agressão”, explicou Jackson Barreto, ao dizer que o governo tem todo interesse em contribuir com o fim da violência contra a mulher.

A deputada estadual Goretti Reis informou que essa patrulha já está funcionando com sucesso nos estados do Rio Grande do Sul e Pernambuco. Ela sugeriu ao governador que inicialmente seja criada a patrulha abrangendo os municípios da Grande Aracaju, para depois instituir por região.

A delegada do Departamento de Grupos Vulneráveis, Mariana Diniz, disse que somente em 2016 foram registrados 2.268 boletins de ocorrência de violência contra as mulheres e, desse total, mil foram transformados em inquéritos. Ela também entende que a patrulha deve abranger inicialmente a região metropolitana de Aracaju.

A representante da seccional de Sergipe da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Valdilene Oliveira Martins, destacou a importância da Patrulha para dar assistência à mulher no momento em que ela está de medida protetiva. Segundo ela, a estrutura social brasileira é muito cruel com a mulher que precisa de proteção. “A patrulha pode ser chamada no momento da agressão ou quando a mulher se sentir ameaçada”, revelou.

Foto: Victor Ribeiro / ASN


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
17/11
15:57

Instituto Banese realiza programação pela consciência negra

O Banese, através do Museu da Gente Sergipana Gov. Marcelo Déda, realizará uma programação no dia 21 de novembro, terça-feira, que contará com exibição de filmes e roda de conversa, oficina de máscaras africanas e apresentação do Samba de Coco do Mocambo

Com o objetivo de celebrar o mês da consciência negra, o Instituto Banese, através do Museu da Gente Sergipana Gov. Marcelo Déda, realizará uma programação no dia 21 de novembro, terça-feira, que contará com exibição de filmes e roda de conversa, oficina de máscaras africanas e apresentação do Samba de Coco do Mocambo.

Das 10h às 12h serão exibidos os filmes ’O Tempo dos Orixás’, de direção de Eliciana Nascimento (Ba) e ‘Cubo Mágico’, de direção de Vanderson Feitosa (SP). Em seguida haverá roda de conversa com Luciana Oliveira, realizadora audiovisual; mestranda em Cinema e organizadora do festival Egbé – Mostra de Cinema Negro de Sergipe.

No período da tarde, das 14h às 18h, na sala de capacitação do Instituto Banese, acontecerá a Oficina de Máscaras Africanas. Ministrada pelo artista visual Naldo Teles para pessoas acima de 12 anos que se inscreverem gratuitamente até o próximo dia 18 de novembro.

Para encerrar a programação, das 15h às 16h, no átrio do museu, terá apresentação do Samba de Coco do Mocambo, comunidade quilombola do Alto Sertão Sergipano. Toda a programação é gratuita e para o público em geral. O Museu da Gente Sergipana está localizado na Avenida Ivo do Prado, 398, Centro, em Aracaju.


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
17/11
15:41

Encontro reunirá reparadores de veículos sergipanos

A proposta é debater as transformações pelas quais tem passado o mercado nos últimos anos.
 
Na próxima terça-feira, profissionais da cadeia de oficinas mecânicas, empresas de funilaria e chaparia de todo o estado estarão reunidos para debater as transformações pelas quais tem passado o mercado de reparação de veículos nos país nos últimos anos e apresentar o impacto da nova reforma trabalhista sobre o segmento.
 
As discussões fazem parte do II Encontro de Reparação Automotiva, que acontece a partir das 19h, no Hotel Confort. Além de discutir temas relacionados ao dia a dia dos profissionais da área, o evento também busca estimular a troca de informações e a formação de parcerias entre as empresas, além de apresentar as novidades do setor.
 
As atividades terão início com a palestra ‘Oficina do passado tem futuro?’, ministrada pelo empresário Bruno Aguiar, da Rede Autoreparo Sergipe. Em seguida será a vez do representante do grupo TMD Friction do Brasil, Gean Ignácio, apresentar os benefícios do Sistema de Freios Cobreq.
 
O Encontro será encerrado com a palestra ‘A reforma trabalhista e seus impactos na reparação automotiva’, proferida por Thiago Augusto, do Escritório Advogados Associados. O evento é organizado pela Rede Autoreparo Sergipe em parceria com o Sebrae.
 
As inscrições para o evento são gratuitas, porém limitadas a empreendimentos que possuam o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), e podem ser feitas pelo site www.se.sebrae.com.br. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 0800-570-0800.


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
17/11
15:41

Reitor da UFS agradece Fábio Reis

A convite do reitor da Universidade Federal de Sergipe, professor Ângelo Antoniolli, o deputado federal Fábio Reis (PMDB) participou, na manhã desta quinta-feira (16), de um café da manhã no Campus de Lagarto. Na ocasião, o parlamentar visitou diversas instalações da instituição, inclusive as que foram equipadas com recursos que ele destinou, como o Centro Odontológico. A dedicação de Fábio Reis na educação sergipana foi enaltecida pelo reitor durante o encontro.

“Convidei Fábio Reis para visitar e agradecer, pois ele tem sido um grande parceiro da UFS e tem apoiado fundamentalmente o campus de Lagarto. A clínica odontológica, entre outros locais, receberam investimentos das emendas de Fábio, que tem sido responsável por muitas coisas positivas que vem acontecendo no campus”, afirmou o reitor.

De acordo com o professor Ângelo, Fábio é responsável por “muitas coisas boas que vem acontecendo no campus de Lagarto, e sua dedicação merece nosso destaque, nossa credibilidade e nosso muito obrigado”, completou Antoniolli.

O café da manhã, que também contou com a presença dos diretores Adriana Carvalho e Frederico Pinheiro, coordenadores de curso, o presidente da Ebserh, Valter Santana e servidores da empresa, foi seguido de visitas ao Centro de Simulações e Práticas, à clínica odontológica e ao Hospital Nossa Senhora da Conceição. Todos foram beneficiados com emendas destinadas pelo parlamentar.


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
12/11
19:44

Ação rápida da polícia resulta na prisão de autor de atentado em bar na Rodovia José Sarney

Duas pessoas foram atingidas, entre elas, a ex-companheira do acusado. Crime estaria relacionado à não aceitação do fim do relacionamento_ 

Uma ação rápida das polícias Civil e Militar na tarde deste domingo, 12, culminou na prisão de Moacir Horácio Pereira, 48 anos. Ele é acusado pelo atentado em um bar na Rodovia José Sarney ocorrido no final da manhã de hoje, que resultou na morte de um homem e deixou uma mulher gravemente ferida (sua ex-companheira). De acordo com o delegado Kássio Viana, do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), logo após o crime, as equipes da PM e PC se dirigiram até o local e colheram as primeiras informações, entre elas, a de que o autor dos disparos também estava em uma das mesas do bar, momento em que se dirigiu até o casal e iniciou os disparos.

”A mulher foi a primeira a ser atingida. Já o seu atual companheiro teria tentado fugir, mas foi perseguido e novamente alvejado, vindo a óbito no local”, disse o delegado. Segundo Kássio Viana, a motivação estaria atrelada à não aceitação do fim do relacionamento, visto que ainda quando recebia os primeiros atendimentos, a mulher afirmou que o autor dos disparos era seu ex-marido e que, desde o término do relacionamento, ela vinha sendo ameaçada por ele. A vítima foi socorrida e encaminhada ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). 

Prisão do suspeito
Ainda segundo o delegado, a partir do depoimento da vítima e identifacação do autor do crime, equipes da PM e PC iniciaram diligências no intuito de localizar o suspeito. Ele foi preso pelos policiais do DHPP no Povoado Mussuca, município de Laranjeiras e está sendo encaminhado para a delegacia, onde serão adotadas as devidas providências.


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
Primeira « Anterior « 1 2 3 4 5 6 7 » Próxima » Última

Enquete


Categorias

Arquivos