09/09
20:42

Campus de São Cristóvão - UFS restabelece limpeza interna nesta segunda-feira

A partir desta segunda-feira, 10/09, serão restabelecidos os serviços de limpeza interna do Campus de São Cristóvão (Rosa Elze), da Universidade Federal de Sergipe (UFS), conforme informações divulgadas pela Reitoria. Os serviços foram suspensos por determinação judicial, em consequência de questionamento de processo licitatório. Emergencialmente, serão assumidos pela Real Service.



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
08/09
18:55

“A MULHER DE BATH”, com Maitê Proença, na UFS de Itabaiana

A atriz Maitê Proença estará  pela Primeira Vez em Itabaiana, no dia 21 de setembro, às 20h, para uma única apresentação, no Auditório da UFS de Itabaiana.

 O espetáculo "A mulher de Bath", texto do inglês Geoffrey Chaucer (1343-1400) dirigido por "Amir Haddad" e participação especial de "Alessandro Persan" será exibido o para o público sergipano.

Trata-se de uma oportunidade imperdível de ver Maitê em cena e celebrar as quatro décadas da carreira de uma das atrizes mais conhecidas do país e cuja beleza física sempre foi um caso à parte e uma citação unânime.

Aos 59 anos, Maitê é um sucesso também como escritora e apresentadora de TV.

O espetáculo

À beira de uma estrada, em plena Inglaterra medieval, uma mulher de vasta experiência e de ardorosa oratória conta a história de sua vida, ao mesmo tempo inusitada e exemplar, universal e única: seus amores incansáveis, seus rigorosos rancores, suas paixões e vinganças, sua peregrinação à Terra Santa, suas traições e sua grandeza, seu conhecimento profundo do pecado, da salvação e do espírito humano. Sua odisseia pessoal é entremeada com o relato fantástico de uma época imaginária: o mundo das lendas do Rei Artur, quando seres feéricos andavam pela Terra disfarçados em forma humana. Publicados pela primeira vez em 1475, os Contos da Cantuária de Geoffrey Chaucer são a obra fundadora da literatura inglesa. Assim como Dante, Cervantes e Camões, os Contos de Chaucer ajudaram a sedimentar a língua, a poesia, a ficção e a oratória de todo um país. Tudo começa a partir de uma competição entre peregrinos que rumam ao túmulo de São Thomas Becket, na Cantuária (Canterbury). No caminho, cada um deve contar histórias sobre diversos tempos e lugares ? e o melhor narrador será premiado com uma noite de excessos na mais famosa taverna local. Dessa disputa brotam contos de cavalaria heroica e farra desbragada, de santidade e de perdição, um compasso que engloba o que há de mais sórdido e mais sublime na alma humana. A premiada tradução de José Francisco Botelho busca inspiração na poesia popular brasileira, do repente nordestino à trova gaúcha, para reviver entre nós a exaltação e a grandeza da Idade Média. Seus versos, que recriam os de Chaucer, são referência e objeto de estudo internacional, apostando em um sonho épico: a universalização da cultura brasileira. Vale salientar que o espetáculo marca a comemoração de 40 anos da carreira da atriz e seus 60 anos de vida, e também os 80 anos do diretor Amir Haddad. O texto de A Mulher de Bath faz parte da obra inacabada “Os Contos da Cantuária”, publicada pela primeira vez em 1475 e tida como uma das mais importantes da literatura inglesa e um clássico da literatura mundial. A tradução, de José Francisco Botelho, foi indicada ao Prêmio Jabuti e já é considerada uma referência contemporânea na tradução de Chaucer. A peça integra a 19ª Edição do projeto Catálogo Brasileiro de Teatro.

SERVICO 


MAITÊ PROENÇA EM: A MULHER DE BATH 

Dia 21 de Setembro 
Sexta as 20h 
Auditório da UFS - Itabaiana
Ingressos: 
30,00 Meia-Entrada 
50,00 Inteira Solidaria + 1Kg de Alimento 
60,00 Inteira 

Já à venda através do site 
www.centraldoingressose.com.br 
Pelo Site Compre no Boleto ou no Cartão de Crédito em até 12x.

Em Breve divulgaremos Pontos de Venda em Itabaiana.

Maiores Informações: 
79 99981-7055


Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
07/09
20:53

Huse atende uma média de 60 casos de AVC por mês

Como referência no atendimento de alta complexidade, o  Hospital de Urgências de Sergipe (HUSE), gerenciado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), atende, anualmente, muitos casos de pessoas vítimas de Acidente Vascular Cerebral (AVC). Segundo informações do Núcleo de Internação e Regulação (NIR) da unidade hospitalar, em  2017, foram atendidos 810 casos de Acidente Vascular Cerebral. Já em 2018, de janeiro até março, foram atendidos 170 pacientes.  Em média, a unidade atende 60 casos por mês.



O AVC é uma das doenças que mais mata nos países em desenvolvimento, causa morbidade e diminui a qualidade de vida. Isso  em decorrência da falta de cuidados prévios adotados ao longo da vida. De acordo o médico neurologista do Huse, Rilton Moraes, a depender do tipo, quando ele acontece a pessoa pode ficar com várias sequelas tais como, dificuldade na locomoção, na fala, problema de visão, entre muitas outras consequências físicas e neurológicas.



“Quando o paciente tem um acidente vascular encefálico, ele é encaminhado para o Huse. A partir de então é avaliado, damos os diagnósticos,  averiguamos se é isquêmico ou hemorrágico. Se for hemorrágico, em alguns casos temos que abrir e drenar esse sangue; se for isquêmico, a depender da situação, temos que abrir o crânio para expandir e não comprometer o resto do cérebro que não foi acometido. Após estabilizar o AVC, liberamos o paciente para casa. Além disso, orientamos para fazer acompanhamento no sistema de primeiro atendimento que é o posto de saúde, para controlar a pressão, o peso, a diabetes de forma rotineira. O mais importante é o paciente extinguir completamente os maus hábitos, mas infelizmente muitos pacientes não colaboram.



A doença, que acomete o sistema nervoso central, é causado por algum dano ao sistema nervoso vascular, pode ser evitada se tomados os devidos cuidados, enfatiza o médico. “Temos que prevenir as causas, como pressão alta diabetes, colesterol alto, fumo, porque depois que acontece  acabou. Isso porque o AVC não é a doença final, ou seja, é causada por outro fator sendo um acidente de uma doença maior, de uma doença muito mais crônica, como, por exemplo, a hipertensão. Assim, muitas vezes é uma questão de prevenção e qualidade de vida”, revela doutor Rilton.


 

Tipos de AVC



O AVC  mais comum é o isquêmico. Ocorre quando o vaso que nutre o cérebro é obstruído.  A falta de sangue, que também leva oxigênio aos tecidos causa danos às funções neurológicas e pode paralisar temporariamente o paciente.  O AVC hemorrágico acontece quando um vaso se rompe, causando um sangramento no cérebro. “Ocorre na maioria dos casos quando tem uma anomalia, quando o vaso é doente ou quando o paciente é hipertenso ou tem outras alterações”, conta o Rilton Moraes.



O cigarro é um vilão



O cigarro causa inúmeros problemas à saúde. Nesse caso específico, segundo Moraes, o fumo enfraquece as paredes das artérias, fazendo com que ela fique mais fraca, se rompendo mais facilmente. “Também  causa um processo inflamatório fechando as artérias. Além disso, promove a entrada do colesterol na parede das artérias, e pode causar tromboses (coágulos nos vasos sanguíneos)”, explica. (DA ASSESSORIA)

 


Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
06/09
18:46

OAB/SE vota a favor de mudança imediata no Regulamento da Ordem para garantir representatividade às advogadas

 A Ordem dos Advogados do Brasil, em Sergipe, atua na vanguarda da defesa dos direitos das mulheres, incentivando a participação feminina nos espaços de decisão. Em 2016, a seccional assumiu o pioneirismo na busca pela igualdade de gênero na OAB e empossou um conselho paritário, composto pelo mesmo número de homens e mulheres.
 
Na última terça-feira, 4, em sessão ordinária do Conselho Federal, a OAB/SE mostrou que se mantém firme no propósito de promover a equidade e votou a favor da modificação imediata do Regulamento da Ordem para assegurar a representatividade às advogadas nos cargos de diretivos da instituição.
 
Vice-presidente da Comissão Nacional da Jovem Advocacia, Paulo Ralin, explica que outro ponto fez a OAB/SE optar pela divergência. “Nos manifestamos também no tocante a porcentagem, porque na proposta o arredondamento só aconteceria quando a fração de vagas fosse superior a 1,5. Mas se as diretorias são compostas por cinco vagas, 30% de cinco seria 1,5. Então, como não existe uma vaga e meia, entendemos que correto seriam duas vagas”, enfatizou.


Variedades
Com.: 0
Por Redação
06/09
18:07

Sema e Universidade Federal de Sergipe assinam Termo de Cooperação para a execução de ações sustentáveis

 Estreitar relações através de parcerias que fomentem a execução de ações sustentáveis e contribuam com as áreas de conhecimento. Foram com essas propostas que a Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Sema), firmou, na manhã desta quinta-feira, 6, parceria com a Universidade Federal de Sergipe (UFS). As duas entidades assinaram o Termo de Cooperação Técnico-Científica e Pedagógica, que objetiva relacionar a área acadêmica à prática, por meio de execuções de projetos da gestão municipal. Participaram da solenidade, os representantes da Sema, o secretário Augusto Cesar Viana, o diretor de Planejamento e Desenvolvimento Institucional, Paulo Cerqueira; e os representantes da UFS, o reitor Angelo Antoniolli e a pró-reitora de Extensão, Alaíde Hermínia. Os gestores de ambas as organizações firmaram a parceria, assinando o Termo de Cooperação.
 
Um dos projetos firmados na parceria foi o da idealização da Farmácia Viva, que será instalada no Horto Municipal, localizado no Parque da Sementeira, e tem como objetivo produzir e oferecer materiais fitoterápicos por meio de plantas medicinais, a fim de que possam chegar às Unidades de Pronto Atendimento de Aracaju (UPA’s). Para isso, Sema e UFS também contarão com o apoio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS). 
 
“A proposta de implantação da Farmácia Viva visa a oferecer melhoria da qualidade de vida das pessoas por meio de um tratamento constante de sua saúde. É muito gratificante estarmos oficializando essas parcerias. Estamos conseguindo dar um passo à frente de mais um projeto do Planejamento Estratégico da Prefeitura. E essa é uma forma de utilizar as plantas como tratamento alternativo na recuperação da saúde, ampliar novos campos de conhecimento, além da sensibilizar a sociedade para a preservação do meio ambiente”, afirma Augusto Cesar Viana.
 
Planejamento estratégico
 
Inseridos no eixo programático do Plano Estratégico da PMA, os projetos e programas da Sema objetivam promover o desenvolvimento urbano e econômico sustentáveis. Algumas das ações prioritárias são o inventário de emissão de gases do efeito estufa, a unidade de processamento de resíduos orgânicos, a revitalização do Horto Municipal a adequação da administração pública à agenda ambiental (A3P), o Plano de Arborização, ações de Educação Ambiental, o Parque Ecológico Poxim e o inventário de arborização urbana.

Foto: Alliston Fellipe/Ascom Sema.
 


Variedades
Com.: 0
Por Redação
06/09
17:58

Inscrições para série de palestras sobre Direito Desportivo estão abertas

 O Direito Desportivo e suas particularidades voltarão a ser discutidos no Tribunal Superior do Trabalho (TST), no dia 27/9, na série de palestras “O Desporto que os Tribunais Superiores Praticam”, organizada pela Academia Nacional de Direito Desportivo (ANDD). As inscrições estão abertas e podem ser feitas aqui. A entrada é gratuita.
 
Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), do TST, do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e do Tribunal de Contas da União (TCU) debaterão temas como habeas corpus, vínculo de emprego, responsabilidade civil, propriedade intelectual, formação desportiva e patrocínios e doações sob a luz do Direito Desportivo e de suas particularidades. O evento, coordenado pelo ministro Guilherme Caputo Bastos, do TST, atual presidente da ANDD, terá na sessão de abertura a presença do ministro Gilmar Mendes, do STF, e do presidente do TST, ministro Brito Pereira.
 
Os ministros do TST Aloysio Corrêa da Veiga, Breno Medeiros, Cláudio Brandão e Alexandre Luiz Ramos falarão sobre tópicos relacionados às relações de trabalho e aos processos trabalhistas que envolvem atletas e entidades desportivas: compatibilidade da formação desportiva com o vínculo de emprego, o cabimento de habeas corpus na Justiça do Trabalho, a execução trabalhista e os clubes de futebol e a responsabilidade civil desportiva em casos de acidente de trabalho. Confira aqui a programação completa.
 
A série de palestras tem como público-alvo juízes, promotores, advogados, servidores públicos, estudantes de Direito, profissionais do esporte, representantes de clubes e sindicatos e o público em geral. A entrada é gratuita. Doações de alimentos são bem-vindas e serão entregues à Creche Vovó Luzimar, na Cidade Estrutural (Brasília).


Variedades
Com.: 0
Por Redação
06/09
17:30

Corregedoria realiza 6ª capacitação de servidores em Gestão de Secretaria Judicial

 A Corregedoria-Geral da Justiça (CGJ), por meio da Divisão de Apoio Judicial (DAJ), realizou o 6º Curso de Capacitação em Gestão de Secretaria Judicial, na última segunda-feira, 03/09. Dessa vez, foram capacitados Chefes de Secretarias das Comarcas de Malhador, Frei Paulo, Ribeirópolis, além das 1ª e 2ª Varas Cíveis de Estância e da Vara Criminal de São Cristóvão.
 
As capacitações iniciaram em abril deste ano com o objetivo de otimizar o aproveitamento da capacidade de trabalho dos servidores e, assim, acelerar a tramitação dos processos. Os Chefes de Secretaria contam com a explanação minuciosa do método de trabalho que deve ser empregado e, no dia seguinte, um servidor da DAJ vai à unidade judicial para auxiliar na elaboração de um plano de gestão, ficando responsável por acompanhar o desenvolvimento dos trabalhos. Os servidores capacitados são também elo entre a CGJ e a unidade, estreitando o canal de comunicação.
 
A ideia de disponibilizar o curso e de difundir uma metodologia uniforme surgiu após a análise dos dados colhidos nas correições e nos ciclos de inspeção realizados em 2017. A CGJ constatou que diversas unidades apresentavam dificuldades de organização dos trabalhos nas secretarias, sobretudo processos com réus presos, os inseridos nas metas do CNJ e os julgados que necessitam ser baixados.
 
“Esse método de trabalho apresentou resultados surpreendentes e por isso mesmo merece ser difundido para todas as unidades, fato esse que seguramente vai acelerar a prestação jurisdicional no Estado, com ganhos reais para os destinatários do serviço público prestado pelo Poder Judiciário”, explicou a Corregedora, Desa. Iolanda Santos Guimarães, quando do início da primeira capacitação.


Variedades
Com.: 0
Por Redação
06/09
15:46

Comissão de Direitos Humanos debate situação das candidaturas femininas

 A presidente da comissão parlamentar de Direitos Humanos, Ana Lula, se reuniu com a Ordem dos Advogados de Sergipe (OAB/SE) para definir as reivindicações que serão apresentadas ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE/SE). As instituições querem garantir o recebimento do aporte mínimo do fundo partidário e combater a sub-representação de mulheres na campanha eleitoral deste ano nas candidaturas femininas do Estado. As deliberações foram assumidas na audiência pública ocorrida na última quarta-feira, 5.
 
A advogada e membro da Comissão dos Direitos da Mulher da OAB/SE, Valdilene Cruz, lamentou o fato de que muitas mulheres infelizmente ainda são submetidas a candidaturas apenas para cumprir a cota partidária. “Na última eleição, mais de 14 mil mulheres candidatas não tiveram sequer seu próprio voto. Elas estão a serviço de quem? Quando se faz isso, nós mulheres estamos prejudicando nossos próprios direitos”, destacou Cruz. Este ano o número de registro de candidaturas está abaixo da eleição de 2014, citada pela deputada. Dos 27.485 mil candidatos homens, apenas 8.435 mil são de candidatas mulheres. A lei nº 9.504/97 obriga os partidos a manter em seu quadro de candidatos no mínimo 30% de candidatos homens ou mulheres e no máximo 70% de candidaturas do sexo oposto.
 
Financiamento de campanha
 
A audiência pública com o tema: “Superando a sub-representação de gênero nas eleições: avanços e desafios”, também discutiu o financiamento de campanha das candidatas mulheres. A deputada Ana Lula alertou que esta sub-representação política tem levado a disparidades competitivas entre os gêneros nas campanhas eleitorais. “As instâncias de poder e comando são dominadas pelos homens e uma das formas de buscar paridade de gênero nas eleições é assegurar a competitividade de homens e mulheres. Isso passa pela distribuição paritária dos recursos das campanhas para as candidaturas de mulheres”, completou a deputada.

Foto: Ivan Kelleros.
 


Variedades
Com.: 0
Por Redação
Primeira « Anterior « 1 2 3 4 5 6 7 8 » Próxima » Última

Enquete


Categorias

Arquivos