27/07
15:30

Agosto - OAB/SE no Mês do Advogado -- Veja a programação

Por meio da CAA/SE, OAB/SE reserva uma programação recheada de atrativos para interagir com os advogados 

Para o mês do advogado, a OAB/SE, por meio da Caixa de Assistência dos Advogados (CAA/SE), está reservando uma programação ímpar que se inicia no próximo dia 6, com a I Corrida dos Advogados, a partir das 17h, com concentração no Palácio da Cidadania, onde funciona a sede administrativa da OAB/SE, na praça Getúlio Vargas (antiga Praça do Mini-Golf). 

O presidente da CAA/SE, Inácio Krauss, informou que a CAA/SE está preparando um super lounge durante a corrida, com participação de Dj, massagista, um cardápio nutritivo elaborado pela profissional Alani Barros, e muito entretenimento para os advogados que comparecerem ao evento. As inscrições para os advogados atletas estão abertas e devem ser feitas por meio do site www.zonaalvo.com.br. Aos advogados a inscrição é gratuita. 

A programação será encerrada no dia 30 de agosto com o Projeto OAB/SE Itinerante. Naquele dia, o expediente da OAB/SE funcionará na sede da Comissão Regional Centro-Sul, em Lagarto. Antes, porém, no dia 23, o expediente da OAB/SE será transferido para a sede da Comissão Regional Agreste, na cidade de Itabaiana. 

Durante o mês, também haverá uma série de outros eventos: a partir das 8h do dia  8 será servido Café da Manhã na Sala dos Advogados mantida pela OAB/SE no TRT, e, no dia 9, o Café da Manhã, no mesmo horário será servido na Sala dos Advogados mantida pela OAB/SE no Fórum Gumersindo Bessa. 

Para a o dia 11 de agosto, data na qual se celebra o Dia do Advogado, a OAB/SE reserva uma atração excepcional, com um happy hour, no final da tarde, e lançamento oficial do novo site da entidade - www.oabse.org.br. A festa acontece no Palácio da Cidadania, localizado à Praça Getúlio Vargas (antiga Mini-Golfe), prédio histórico onde funciona a sede administrativa da entidade. 

Nos dias 15 e 16 acontece a Semana da Saúde, com ações voltadas para métodos preventivos desencadeadas por equipe multidisciplinar da Caixa de Assistência dos Advogados. No dia 15, as atividades se concentram na Sala dos Advogados do Fórum Gumersindo Bessa e, no dia 16, na Sala dos Advogados do Tribunal Regional do Trabalho (TRT). Nestes dois dias, a equipe multidisciplinar fará aferição da pressão arterial dos advogados, teste de glicemia e sessão de massagem

Veja a Programação

Dia 6

Corrida do Advogado

Local: Concentração Palácio da Cidadania

 

Dia 8

Café da Manhã

Local: Sala dos Advogados mantida pela OAB/SE no TRT

 

Dia 9

Café da Manhã

Local:  Sala dos Advogados mantida pela OAB/SE no Fórum Gumersindo Bessa

 

Dia 11

Happy Hour com lançamento oficial do novo site da OAB/SE - www.oabse.org.br

Local: Palácio da Cidadania onde funciona a sede administrativa da OAB/SE

 

Dia 15  

Semana de Saúde

Local: Fórum Gumersindo Bessa

Serviços: aferição de pressão, de glicemia, sessão de massagem

 

Dia 16

Local: TRT

Semana de Saúde

Serviços: aferição de pressão, de glicemia, sessão de massagem


Dia 23

Transferência da sede da OAB/SE para Itabaiana

CAA/SE Itinerante

Local: Fórum da Cidade

Serviços: aferição de pressão, de glicemia, sessão de massagem

 

Dia 30

Transferência da Sede da OAB/SE para Lagarto

CAA/SE Itinerante

Local: Fórum da Cidade

Palestra com o conselheiro seccional da OAB/SE, Thenisson Dória, presidente da Comissão da Diversidade Sexual da entidade

Serviços: aferição de pressão, de glicemia, sessão de massagem
(Da assessoria)


Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
27/07
13:49

Brasil terá R$ 3,16 bi para formar cientistas

O Brasil pretende conceder, até 2014, até 100 mil bolsas de intercâmbio para estudantes e pesquisadores em modalidades que vão do nível médio ao pós-doutorado. Desse total, 75 mil ficarão a cargo do governo federal e 25 mil, da iniciativa privada. A meta é incentivar a inovação tecnológica do País e o registro de patentes.

A iniciativa é parte do programa Ciência sem Fronteiras, que foi lançando nesta terça-feira (26) durante a 38a reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), em Brasília, pela presidenta Dilma Rousseff.

O programa vai aumentar a presença de estudantes e pesquisadores brasileiros em instituições de excelência no exterior e fomentar o conhecimento inovador dos trabalhadores para impulsionar a competitividade da indústria nacional.

Para isso, o governo federal vai investir R$ 3,16 bilhões em 35 mil bolsas do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), e em outras 40 mil da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

Durante a cerimônia, a presidenta Dilma frisou que o programa fará o Brasil atingir outro patamar na área de ciência, tecnologia e inovação e que esses estudantes, ao retornarem ao País, formarão a nova base de pensamento educacional.

Segundo o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, a preocupação inicial é favorecer áreas de conhecimento consideradas prioritárias, como as de engenharia, ciências exatas, biológicas e da saúde, além da computação e tecnologia da informação. “Enquanto a Coreia [do Sul] tem um engenheiro para cada quatro formandos, o Brasil tem uma proporção de um para cada 50 formandos”, argumentou o ministro.

Atualmente, apesar de ocupar a 13ª posição no ranking mundial de produção científica, o Brasil está em 47ª lugar no de inovação. Mesmo considerando como "precários" esses indicadores, o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, afirma que eles mostram de forma clara a necessidade de o País avançar nos incentivos a bolsas de estudo, como o previsto no Programa Ciência sem Fronteiras.

As áreas selecionadas pelo programa são Ciências da Saúde, Ciências da Vida e Engenharia e Tecnologias. Pelo programa, 27.100 bolsas serão destinadas à graduação; 24.600 para doutorado de um ano; 9.790 para doutorado integral; e 8.900 para pós-doutorado. Além disso, 2.660 vagas serão reservadas para estágio sênior de seis meses; 700 delas para treinamento de especialistas de empresas no exterior; 860 para jovens cientistas de grande talento; e 390 para pesquisadores visitantes especiais no Brasil. O governo espera que a iniciativa privada participe do programa com outras 25 mil bolsas de estudo, totalizando 100 mil.

 

Mérito

Os bolsistas serão escolhidos por mérito. A seleção será feita a partir do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), gerenciado pelo Ministério da Educação, e pelo Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), aos alunos que atingirem nota mínima de 600 pontos.

Neste momento, estão aptos a concorrerem às bolsas 124 mil alunos em todos os 27 estados. Serão contemplados os estudantes com produção científica diferenciada, alunos premiados em olimpíadas científicas e que já tenham completado no mínimo 40% e no máximo 80% dos créditos necessários para obtenção do diploma. Os estudantes e pós-doutores do Ciência Sem Fronteiras terão o seu treinamento nas melhores instituições disponíveis, prioritariamente entre as 50 mais bem classificadas nos rankings da Times Higher Education e QS World University Rankings.

 

Programa atenderá candidatos em 4 modalidades

O programa Ciências Sem Fronteiras oferecerá oportunidades a um público variado, ao estabelecer níveis de graduação na concessão de bolsas. Veja a seguir:

Bolsa Brasil Graduação - Destinado aos alunos com melhor aproveitamento nos canais de seleção estipulados, a Bolsa Brasil Graduação terá duração de um ano, sendo que entre seis e nove meses deverão ser cumpridos no meio acadêmico e o restante compensado em Empresas ou Centros de Pesquisa e Desenvolvimento. A bolsa inclui passagem aérea, bolsa mensal, seguro-saúde, auxílio instalação, taxas de uso de infra-estrutura e, em parcerias com empresas, excepcionalmente pode incluir taxas escolares. As universidades selecionadas deverão aproveitar também alunos premiados em olimpíadas científicas, além de recrutar os melhores estudantes de iniciação científica e tecnológica. Em todos os casos, cada instituição deve selecionar os bolsistas por chamadas públicas competitivas, abertas aos estudantes elegíveis. Além disso, universidades brasileiras devem reconhecer os créditos feitos no exterior.

Bolsa Brasil Jovem Cientistas de grande talento no Brasil - Com duração de até três anos, a Bolsa Brasil Jovem cientistas de grande talento no Brasil é destinada a jovens pesquisadores com produção científica ou tecnológica diferenciada para desenvolver atividades com um grupo de pesquisas no Brasil ou em empresas. Serão elegíveis jovens cientistas talentosos em início de carreira, prioritariamente brasileiros que tenham se destacado qualitativamente e quantitativamente pela produção científica ou tecnológica. Será estimulada a alocação destes bolsistas em todas as regiões do País, especialmente através de convênios com as fundações estaduais de apoio a pesquisa. A instituição de destino no Brasil deve oferecer a infraestrutura necessária ao desenvolvimento do projeto.

Pesquisador Visitante Especial no Brasil -  Serão elegíveis grandes lideranças científicas internacionais, prioritariamente brasileiros radicados no exterior para atuarem como Pesquisador Visitante Especial no Brasil durante três anos. O pesquisador assume o compromisso de vir ao País com regularidade previamente definida (dois meses a cada ano) e a receber estudantes e pesquisadores brasileiros no seu laboratório no exterior. Também será preciso manter uma associação com grupo no Brasil que ficará responsável pelo gerenciamento do projeto. Entre os benefícios estão a Bolsa de Visitante Especial quando está no Brasil, o custo de uma viagem anual para o pesquisador e recursos de custeio para a pesquisa.

Treinamento de Especialistas e Engenheiros de Empresas no Exterior - Serão escolhidos especialistas e engenheiros de empresas ou Instituições de Ciência e Tecnologia que necessitam absorver ou aperfeiçoar técnicas específicas. Devem necessariamente ter sido aceito para as melhores universidades do mundo, ou principais institutos de pesquisa básica ou tecnológica reconhecidos internacionalmente. O período de treinamento será de até 12 meses. (Da assessoria)



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
27/07
11:53

SERGIPE - Memorial do Poder Judiciário retrata o Cangaço em exposição

Com a proposta de mostrar o Cangaço como movimento cultural e seus reflexos no Estado, o Memorial do Poder Judiciário de Sergipe traz, entre 28 de julho e 2 de setembro, a exposição 'No Rastro do Cangaço'. De acordo com Rafael Cerqueira, curador do Memorial, a intenção é de mostrar o Cangaço não somente como uma representação de violência e usurpação.

"O Cangaço foi um movimento social e ao mesmo tempo cultural. Com a exposição, pretendemos mostrar o Cangaço do imaginário popular, que está bastante vivo na memória do povo sergipano, e também desconstruir as mentiras e lendas que o cercaram através do tempo", comenta Rafael.

Estarão expostos no Memorial, fotografias e objetos de diversos grupos de cangaceiros, cedidos pelo Museu Histórico de Sergipe. Os armamentos utilizados por Zé Baiano, cangaceiro que atuou na região de Frei Paulo, vieram do Museu do Cangaço, organizado pelo escritor Antonio Porfírio de Matos Neto, localizado no povoado Alagadiço.

Ainda compõe a exposição documentos e jornais da época, que tiveram como manchete a passagem de Lampião por Sergipe. O Arquivo do Poder Judiciário contribuiu com documentos a respeito do processo contra Lampião, que mostram como foi atuação da Justiça sergipana. Um dos documentos comprova que o Juiz Carlos Vieira Sobral registrou a sentença de Virgulino Ferreira, vulgo "Lampião" num processo crime no distrito de Nossa Senhora das Dores, denominando-o "Secário das caatingas do Nordeste Brasileiro".

Segundo Rafael Cerqueira, o legado do Cangaço influenciou a cultura sergipana de diversas formas: através da literatura de cordel, vestimentas, artesanato, etc. O Memorial também busca preencher a lacuna que há nos livros didáticos sobre a história sergipana. "Nas exposições, tentamos sempre proporcionar aos estudantes uma visão que não é mostrada nos livros, resgatando a nossa cultura", diz.

O acesso à exposição 'No Rastro do Cangaço' é gratuito e as visitas ocorrem de segunda a sexta-feira, das 8 às 14 horas. Escolas podem agendar uma visita monitorada através dos telefones (79) 3213-0219 ou 3213-0771. O Memorial do Poder Judiciário de Sergipe funciona no Palácio Sílvio Romero, localizado à Praça Olímpio Campos, 417, Centro de Aracaju. (Da assessoria)



Variedades
Com.: 1
Por Eugênio Nascimento
27/07
06:40

Aracaju - Edvaldo busca viabilizar abertura de avenida

Na tentativa de viabilizar mais uma grande obra em benefício da capital sergipana, o prefeito Edvaldo Nogueira se reuniu na tarde desta terça-feira, 26, com o ministro da Defesa, Nelson Jobim. O encontro aconteceu no gabinete do ministro, em Brasília, com a participação do ex-deputado federal Albano Franco, que agendou a audiência. Na oportunidade, Edvaldo solicitou ao ministro a liberação do acesso a parte de um terreno do Exército para a construção de uma nova via de escoamento do trânsito.

A avenida Saneamento Norte, que deverá ser construída pela Prefeitura de Aracaju com recursos do Ministério das Cidades, vai ligar a rua Acre ao bairro 18 do Forte, passando pelo terreno do 28º Batalhão de Caçadores. "A acolhida do ministro foi muito boa e ele acenou com a possibilidade de atender ao nosso pedido", informou o prefeito de Aracaju.

Nelson Jobim se prontificou a entrar em contato com o comando do 28º BC para se informar sobre a possibilidade de autorizar o acesso ao local para a execução da obra. "Foi o primeiro passo para concretizar mais uma realização importante para os aracajuanos, em especial para aqueles que moram na zona norte", comemorou Edvaldo Nogueira. (Da assessoria)


Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
26/07
19:35

UFS cria mais cinco cursos de mestrado

Conselho da UFS aprovou os mestrados em Filosofia, Enfermagem, Educação Física,  Tecnologia em Ensino das Ciências Naturais Matemática e em Propriedade Intelectual


A vocação para crescimento da Universidade Federal de Sergipe, que tinha pouco mais de 10  mil alunos na graduação há sete anos e hoje conta com mais de 27 mil, também pode ser  observada na pós-graduação, que no mesmo período tinha oito cursos e pouco mais de 100  alunos e hoje os cursos são 40 e os estudantes somam 1.420.

Até a semana passada a pós graduação contava com 35 cursos, sendo 8 de doutorado e 27 de  mestrado. Mas em sua mais recente reunião, o Conselho do Ensino e da Pesquisa (Conep) da  UFS aprovou a criação  dos mestrados em Filosofia, Enfermagem, Educação Física,  Tecnologia em Ensino das Ciências Naturais Matemática e em Propriedade Intelectual.

“Temos a preocupação em ampliar a oferta de cursos de pós-graduação para oferecer à  sociedade profissionais cada vez mais qualificados, capacitados e comprometidos com a  construção de um mundo melhor”, destacou o professor Josué Modesto dos Passos Subrinho,  reitor da instituição de ensino superior.

Segundo o vice-reitor Angelo Roberto Antoniolli, que presidiu a sessão do Conep, a UFS  atua no sentido de crescer e ser uma grande universidade, capaz de atender aos anseios da  sociedade. “Há um compromisso de crescimento com qualidade e isso se torna bem mais  visível quando a pós-graduação cresce”, destacou.

O pró-reitor de Pós-Graduação, professor Cláudio Macedo, avalia que  “com o crescimento  dos cursos de pós, a Universidade Federal de Sergipe não só prepara profissionais  qualificados para o mercado, mas também faz crescer a pesquisa, que ao lado do ensino e  pesquisa e extensão formam o tripé básico de uma universidade forte”, afirmou.

Outras opções

Além dos cinco recém-criados, a UFS tem os mestrados em Agroecossistemas, Antropologia, Ciências da Saúde,  Arqueologia, Ciência e Engenharia de Materiais, Biologia Parasitária,  Ciência da Computação, Educação, Engenharia Civil,  Letras, Psicologia, Sociologia,  Zootecnia, , Ecologia e Conservação, entre outros, e doutorados em Biotecnologia, Geografia, Ciências da Saúde, Desenvolvimento e Meio Ambiente, Física,  Ciência e  Engenharia de Materiais, Educação e Ciência e Engenharia de Materiais.

Mais 800 bolsas


A Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (Posgrap) e a Pró-Reitoria de Assuntos  Estudantis (Proest), por meio da Coordenação de Pesquisa (Copes), lançaram o edital para  o Programa Especial de Inclusão em Iniciação Científica (Piic).

O programa, que foi criado pela UFS este ano, tem por objetivo contribuir para a formação  de recursos humanos graduados com experiência de método científico e  permitir que  estudantes de todos os cursos de graduação da UFS tenham acesso à experiência de  iniciação científica.

Estão sendo disponibilizadas 800 bolsas de R$ 360 cada uma. O prazo de inscrição vai de  22 de julho a 22 de agosto. O resultado da seleção será divulgado no dia 29 de agosto.


Variedades
Com.: 6
Por Eugênio Nascimento
26/07
18:29

Hemocentro de Aracaju precisa de doador Rh negativo

O Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose), responsável pelo abastecimento de sangue dos hospitais e maternidades públicas do Estado, necessita de doadores de sangue do tipo A, B, O, Ab negativo e do B positivo. O apoio e a participação coletiva dos cidadãos são fundamentais para a manutenção da vida. 

Para doar sangue, basta estar em boas condições de saúde, estar alimentado, ter entre 16 e 67 anos, pesar no mínimo de 50 kg e apresentar documento com foto, válido em todo o território nacional. 

O Hemose está localizado na Avenida Tancredo Neves, vizinho ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). Mais informações podem ser obtidas através dos telefones: (79)3225-8000 e 3259-3174.



Variedades
Com.: 2
Por Eugênio Nascimento
26/07
14:04

Tradicional Procissão de São Cristóvão será no dia 31 de julho


No próximo domingo, 31, será realizada a 34ª Festa de São Cristóvão, Padroeiro dos Motoristas e co-padroeiro da quarta cidade mais antiga do país. A missa será realizada às 15h, na Igreja Nossa Senhora da Vitória e, após a celebração, as bênçãos dos veículos e distribuição de brindes, reunindo centenas de pessoas anualmente.

No alto do prédio, na altura da nave da Igreja Matriz, há uma imagem de São Cristóvão. Segundo a assessora de Comunicação da Paróquia, Avani Maria Cavalcante Siqueira, o pároco anterior, Padre Bernardino, realizou uma pesquisa e descobriu no livro de Tombo que um antigo pároco de São Cristóvão havia ficado bastante doente e pediu a sua cura a São Cristóvão, prometendo ao santo um lugar na Matriz e o título de co-padroeiro da cidade.

Desde o ano passado, o organizador do evento, o senhor Ariosvaldo Santos Cruz, solicitou junto ao antigo pároco, a realização do tríduo, o que foi aprovado, e este ano, nos dias 28, 29 e 30 de julho, serão realizadas missas e novenas, sendo o último domingo do mês, 31, o dia em que a igreja realizará a procissão.

Tradicionalmente, as imagens de São Cristóvão, pertencentes ao Sindicato dos Rodoviários de Sergipe e ao Sindicato dos Taxistas de Aracaju chegam ao município, na quinta-feira e permaneciam até o domingo quando retornavam à capital, finalizando toda celebração. Porém, a partir de agora, as imagens da capital chegarão na quinta-feira, serão levadas até a matriz, onde permanecerão com a imagem da paróquia e a imagem particular do organizador do evento.

No domingo, 31, durante a procissão, as imagens da capital saem e retornam à Aracaju, sendo que a imagem da Paróquia sai em cortejo seguido pelos carros pequenos e a imagem do organizador sai seguida de carros grandes, pelo trajeto pré-definido, dentro do município de São Cristóvão.

 ?Sempre me liguei à questão do transporte, pois quando era criança, gostava muito de carros e quando cresci, dirigi um caminhão. Em 1964, fui o primeiro taxista de São Cristóvão, cheguei a deixar de estudar, mas os negócios do táxi não renderam. Fiz transporte de passageiros na capital, no Bairro Siqueira Campos, depois passei no concurso da Polícia Rodoviária Federal e, a partir de 1978, comecei a realizar a Festa do padroeiro dos motoristas, São Cristóvão?, explicou o organizador do evento que já está articulando junto com os motoristas para doar alimentos não-perecíveis à famílias carentes de São Cristóvão.

Sendo assim, as imagens chegam à Igreja Matriz e as novenas têm início no dia 28, seguindo pelos dias 29 e 30, sendo 31, último domingo do mês, o dia da procissão, a partir das 15h, saindo da Igreja Nossa Senhora da Vitória. 

Trajeto- As imagens saem da Matriz; seguem pelo Carmo; Rua Messias Prado (antiga Rua das Flores); Rua Leão Magno; Praça São Francisco; Feira Velha; Pintos; retorna para a rodovia; segue para o Alto da Divinéia; passa pela farmácia; volta pelo Apicum; sobe a ladeira central; passa pelo oitão da Praça São Francisco; Rua do Rosário; Avenida Paulo Barreto; Chafariz; Rua do Cemitério; sobre a Vicente Távora; Rosário e segue em direção à Igreja Matriz. (Da assessoria)


Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
26/07
13:38

Censo escolar - Prazo para que escolas enviem as informações é 14 de agosto


 

Os gestores escolares de instituições públicas e privadas têm prazo até 14 de agosto para enviar as informações do censo escolar 2011. As escolas que não fornecem os dados ficam impossibilitadas de participar de diversos programas do Ministério da Educação, como o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), a Alimentação Escolar, a distribuição de livros didáticos, o Dinheiro Direto na Escola, o Mais Educação, o Plano de Ações Articuladas (PAR), entre outros.

Realizado todos os anos pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o censo é uma pesquisa realizada junto aos estabelecimentos de ensino para levantamento de dados e informações relativas à educação básica, com o objetivo de subsidiar a elaboração de análises, diagnósticos e planejamento do sistema educacional do país. Políticas públicas que promovam um ensino de qualidade para todos os brasileiros serão definidas e monitoradas a partir desses dados.

Este ano, não haverá prorrogação do prazo de envio dos formulários, segundo o coordenador geral do Sistema Integrado de Informações Educacionais, Carlos Eduardo Moreno Sampaio. “As escolas precisam cumprir rigorosamente essa data (14 de agosto) para que possam participar da Prova Brasil. Elas deverão informar, entre outros dados relevantes, os alunos matriculados no quinto ano e no nono ano, que são as crianças que participarão da Prova Brasil.”

Além do uso por parte das diferentes instâncias de governo, o censo escolar é ferramenta indispensável para que os diversos atores educacionais e a sociedade em geral possam conhecer a situação educacional do país, dos estados, municípios e escolas e acompanhar a efetividade das políticas públicas.


Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
Primeira « Anterior « 384 385 386 387 388 389 390 391 392 393 394 » Próxima » Última

Enquete


Categorias

Arquivos