09/09
07:33

UFS está entre as melhores universidades brasileiras

A Universidade Federal de Sergipe (UFS) é a 33ª colocada no Ranking Universitário Folha (RUF), o ranking geral das universidades brasileiras divulgado pelo jornal Folha de São Paulo (FSP). A nota final da instituição de ensino foi 70,97 e corresponde às avaliações em qualidade de ensino, qualidade de pesquisa, avaliação do mercado, inovação e internacionalização. A primeira colocada é a Universidade de São Paulo (USP), com a nota 97.

O RUF da Folha, que foi divulgado na edição de ontem do jornal,  avaliou 192 universidades e a UFS é a sexta do Nordeste, perdendo apenas para as federais de Pernambuco (UFPE), Ceará (UFCE), Bahia (UFBA), Rio Grande do Norte (UFRN) e Paraíba (UFPB).

Ontem, ao tomar conhecimento do resultado, o reitor da UFS, professor Angelo Roberto Antoniolli, disse que "gostaríamos de estar numa posição bem melhor, mas a 33ª colocação projeta a  Universidade Federal de Sergipe bem e nos coloca em uma situação de  destaque. Acho que essa posição em que nos encontramos é fruto do  trabalho da administração, dos professores, servidores e o bom  desempenho dos nossos alunos. Alimentamos a esperança de atingirmos  posição melhor no próximo ranking, pois estamos trabalhando para  isso".

Angelo Antoniolli destacou ainda o fato de a UFS ter crescido muito nos últimos 12 anos, passando de algo em torno de 10 mil alunos para mais de  32 mil, ter aumentado o número de professores efetivos de 540 para  mais de 1400, em sua maioria doutores e mestres e estar hoje com campi em Laranjeiras, Itabaiana, Lagarto  e, logo em breve, no sertão.

"A UFS cresceu, mas preservou o bom ensino, a boa pesquisa e manteve a sua política de extensão. É claro que isso não vai nos acomodar. Queremos novas boas posições nas  avaliações, pois crescemos com qualidade. Os nossos docentes têm mestrados e/ou doutoramentos nas melhores universidades brasileiras ou internacionais e isso também contribui para a boa qualidade de nosso ensino", concluiu. 



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
07/09
15:36

Gaviões ocupam espaços urbanos em áreas praieiras de Aracaju


A destruição de seu habitat natural e a oferta, em grande quantidade, de alimentos trouxeram para o espaço urbano de Aracaju dezenas de gaviões do tipo carcará. Eles estão nos bairros da Zona de Expansão, Atalaia, Coroa do Meio e já andam aparecendo no aterro feito pela Prefeitura no 13 de Julho.   Na região da Praia do Banho Doce, diariamente dezenas deles estão no mato ou em locais em que os pescadores deixam peixes mortos (e apodrecendo), em sua maioria os venenosos baiacus. Na foto, um deles descansa no bairro Coroa do Meio.


Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
07/09
14:26

7 de Setembro: Polícia Militar de Sergipe é destaque em desfile cívico-militar

 Milhares de cidadãos, movidos pelo sentimento de patriotismo, acordaram mais cedo, neste domingo, dia 7, para prestigiar o desfile cívico-militar alusivo aos 192 anos de Independência do Brasil em relação à Corte Portuguesa. A Polícia Militar de Sergipe, como em todos os anos, abrilhantou as comemorações com seu tradicional desfile ao longo da Avenida Barão de Maruim, no Centro de Aracaju, encantando milhares de pessoas que se aglomeraram em toda a extensão da avenida para acompanhar o desfile cívico-militar da capital sergipana.

Entre unidades e subunidades da Polícia Militar, atuantes na Grande Aracaju e municípios interioranos, o desfile teve início com a apresentação da Banda de Música da PMSE, sob a regência do seu maestro, o capitão André. Sendo a mais antiga do Estado, a banda da corporação completou 170 anos de existência e levou para avenida 35 militares executando dobrados durante todo percurso.

Durante todo o evento solene, a tropa esteve sob o comando da tenente-coronel Araci Ferreira Fontes, coordenadora operacional do CIOSP, acompanhado do seu subcomandante no desfile, o major Barbosa. Os oficiais foram seguidos pelo Porta Símbolo e uma representação do Estado Maior Geral, composta por 10 oficiais superiores da PMSE, vindo, na sequência, a apresentação da Guarda Bandeira.

O Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP), sob o comando, na ocasião, do major Sidney, entrou na avenida com entusiasmo, despertando o interesse do público presente. Criado em 1979, a unidade conta com 97 policiais militares e 671 novos alunos soldados, que foram aprovados no último concurso realizado e que hoje desfilaram durante o trajeto, divididos em 12 pelotões.

Dando continuidade ao desfile, marcharam pela avenida os policiais do Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran), que engloba a Companhia de Polícia de Trânsito (CPTran) e a Companhia de Polícia Rodoviária Estadual (CPRv), os militares do Hospital da Polícia Militar (HPM) e policiais do Batalhão de Polícia de Radiopatrulha (BPRp), sendo estes representados por 60 militares que desfilaram sob a liderança de seu comandante, o tenente-coronel Carlos Rolemberg.

Na sequência, o público acompanhou o desfile do Pelotão de Polícia Ambiental (PPAmb), do Pelotão Especial de Policiamento em Área de Caatinga (PEPAC) e do Comando de Operações Especiais. O COE, que atua essencialmente em ocorrências de alta complexidade, com ou sem reféns, efetuou, durante o trajeto, disparos de festim com fuzil 7,62.

Em homenagem ao trabalho desenvolvido pela Associação de Voluntários a Serviço da Oncologia em Sergipe (AVOSOS), os combatentes do COE desfilaram em companhia de 30 crianças e adolescentes assistidas pela entidade, embarcados nas viaturas operacionais da companhia, com o intuito de chamar a atenção da sociedade para a nobre missão desenvolvida por essa associação. 

Em seguida, foi a vez dos militares do Grupo de Ações Táticas do Interior (GATI) e do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq) desfilarem por todo o percurso.  Ao comando do tenente-coronel Aragão, o Batalhão de Choque executou evoluções de Controle de Distúrbios Civis (CDC), utilizando granadas fumígenas na cor laranja, e exibiu seu carro blindado, além de 12 dos seus 13 cães farejadores, que simularam formações ofensivas.

Desfile das viaturas

A participação da Polícia Militar na avenida Barão de Maruim foi encerrada com o desfile das viaturas operacionais utilizadas diariamente no combate à criminalidade. Sob o comando do major Fernando Ferreira, comandante da Companhia de Comandos e Serviços do Centro de Suprimento e Manutenção (CSM), desfilaram durante o percurso 45 viaturas tipo carros; 46 motocicletas, sendo 16 pertencentes à Companhia de Policiamento de Trânsito, 25 ao Grupamento Especial Tático de Motos e cinco à Companhia de Polícia Rodoviária Estadual; além de dois veículos blindados, um caminhão tipo boiadeiro, um caminhão tipo guincho, dois micro-ônibus (Programa Crack, é possível vencer, e da Lei Seca) e uma lancha.

 Por fim, o Esquadrão da Polícia Militar adentrou o corredor, com 40 conjuntos montados, sendo 21 simbolizando os Dragões da Independência e os outros 19 conjuntos executaram evoluções de Controle de Distúrbios Civis, simulando a atuação do policial em situações de aglomeração, multidão, turba, manifestação, tumulto ou perturbação da ordem pública.

Desfile helicóptero

Após o desfile das viaturas e dos equinos do serviço operacional, o público emocionou-se com a participação do Grupamento Tático Aéreo (GTA), da Secretaria de Estado da Segurança Pública, composto por policiais civis e militares e bombeiros militares e atua em operações aéreas, prestando apoio aos agentes do serviço ostensivo em via terrestre e marítima.

O helicóptero Falcão 01, pilotado pelo major PM Fernando Goes, sobrevoou a avenida Barão de Maruim acompanhado pelo PC Rubens, sargento Andrade e cabo Glauber, que na ocasião ostentaram as bandeiras do Brasil e de Sergipe.

Autoridades presentes

O evento foi prestigiado por autoridades militares e civis, dentre elas, o secretário de Estado de Governo, Benedito Figueiredo, representando o governo do Estado; o secretário de Estado da Segurança Pública, João Eloy; o comandante da Polícia Militar do Estado de Sergipe, coronel Maurício da Cunha Iunes; o chefe interino do Estado Maior da PMSE, coronel Jackson Nascimento; o chefe do Gabinete Militar, coronel Luis Fernando; o comandante da 19ª Circunscrição de Serviço Militar, tenente-coronel Ricardo Teixeira; o comandante do 28º Batalhão de Caçadores, tenente-coronel Marcus Augusto; o capitão dos Portos de Sergipe, Clésio Misson Penoni; o comandante do Destacamento Aéreo de Aracaju, major Marcos Rogério Alves; o comandante do Corpo de Bombeiros Militar, coronel Reginaldo Dória; o comandante da Guarda Municipal de Aracaju, coronel Enilson Aragão; e outras autoridades civis representantes do governo de Sergipe. (Da assessoria)



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
02/09
15:39

USFs prorrogam horário de atendimento à população


O mês de setembro iniciou e junto com ele também foi iniciada uma nova medida da Secretaria Municipal de Saúde para garantir mais qualidade no atendimento das Unidades de Saúde da Família (USF). A partir deste mês, seis postos de Aracaju terão o horário de atendimento prorrogado. Agora, as unidades dos bairros Japãozinho, Bugio, Santa Maria, Santos Dumont, Coroa do Meio e conjunto Augusto Franco darão expediente até as 20h.

Desde ontem a melhoria já está sendo observada e aprovada pela população. A USF Onésimo Pinto, localizada no conjunto Jardim Centenário, bairro Bugio, já recebeu pacientes e equilibrou o fluxo de atendimento. Segundo a gerente da unidade, Louise Barreto, a medida tem por objetivo dar mais comodidade aos cidadãos que procuram por atendimento. "Desta maneira, estaremos ampliando e dando celeridade aos atendimentos. Também poderemos encaixar com mais agilidade os exames e consultas", explica.

Quem abraçou a mudança foi a médica clínica Luciana Amaral. Na avaliação dela, o novo horário irá favorecer a população e compensar as demandas de atendimento. "Antes tínhamos que concentrar todo atendimento nos turnos da manhã e tarde. Creio que essa esticadela no expediente irá desafogar a quantidade de gente que espera por atendimento", destaca.

Da assessoria


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
02/09
15:36

SEMICT divulga Aracaju no 9º Minas Tur


A Secretaria Municipal da Indústria, Comércio e Turismo de Aracaju (SEMICT) esteve representada na 9ª edição do Minas Tur, que aconteceu no último dia 28 de agosto no Minascentro, Centro de Convenções e Feiras de Belo Horizonte (MG). Ao todo, o evento reuniu 382 expositores e 1.156 profissionais do turismo. Durante o evento aconteceu a entrega do "Troféu Amigos do Minas Tur", que premia personalidades do turismo que contribuem para o desenvolvimento deste segmento.  

Participaram da cerimônia de abertura Cláudia Miranda, diretora da Promove, Jaime Rios, coordenador para o Mercado Brasil do Instituto de Promoção Turística da Argentina (Inprotur), Silvana Nascimento, secretária adjunta de Turismo de Minas Gerais, Mauro Werkema, presidente da Belotur, Roberto Fagundes, presidente da AC Minas, José Aguiar, presidente da Sindetur-MG, Michel Tuma Ness, presidente da Fenactur, e Bruno Heleno, gerente geral do Othon Palace.

Com o tema "Turismo e Sustentabilidade", o evento contou com expositores nacionais e internacionais, dos setores de operadoras, destinos turísticos, hotéis, companhias aéreas, cruzeiros, entre outros. Esta foi uma oportunidade para os profissionais de turismo encontrarem novidades de diferentes destinos domésticos e uma intensa exposição da rede hoteleira nacional.

Entre os destinos presentes estava Aracaju, com suas belezas naturais, pontos turísticos, culinária e cultura, disponibilizadas para os profissionais de turismo presentes no evento. O único estande internacional na feira foi o da Argentina, liderado pela Inprotur (Instituto Nacional de Promoção Turística da Argentina).

Durante o evento houve o I Salão de Turismo GLS de Minas Gerais, IV Salão de Ecoturismo e Aventura, Sala de Capacitação, que prestigiou mais de 200 participantes com 10 temas diferentes, Cozinha Show, com demonstração de receitas de pão de queijo coordenadas pelo chef Edson Puiati, executadas por alunos do Centro Universitário UNA e presença dos destinos: Argentina, Mato Grosso do Sul, Maranhão, Sergipe, Bahia, Santa Catarina, e Paraíba, Bento Gonçalves, Ilha Bela, Caldas Novas, Rio de Janeiro, Canela e Gramado.

Para Juliana Oliveira, representante da SEMICT presente no evento, a participação no 9º Minas Tur foi positiva para nossa capital. "O balanço que fazemos com certeza é muito positivo, Minas Gerais é um extremamente importante para o desenvolvimento do turismo em nossa capital porque tem um público em potencial para conhecer nossas belezas que aqui estamos demonstrando através de material publicitário. Durante o evento nosso destino foi bem aceito e procurado. As pessoas queriam conhecer mais a pequena notável do Brasil e saiam encantados e com boa impressão sobre Aracaju. Por isso a importância da nossa participação", explica Juliana Oliveira.

A 9ª edição do Minas Tur contou com a presença de mais de dez estados, como  Paraíba, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul e Santa Catarina, além de cidades turísticas alternativas e órgãos oficiais.


Foto: Ascom/Semict


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
02/09
09:03

IFS e UFS realizam Chip in Aracaju 2014

Desde ontem, segunda-feira, o Instituto Federal de Sergipe – IFS, em parceria com a Universidade Federal de Sergipe - UFS, realizam o Chip In Aracaju 2014, evento internacional relacionado ao hardware, microeletrônica e nanoeletrônica, co-promovido pela Sociedade Brasileira de Computador – SBC.

Inúmeros simpósios, um fórum estudantil e um workshop reunirão pesquisadores, professores e alunos das áreas de informática, design e tecnologia. Dezenove estandes para expositores da Alemanha, Israel, França, EUA, Canadá, Holanda, Brasil entre outros, estarão abertos ao público.


O evento acontecerá até o dia 05, sexta-feira, no Hotel Mercure, Aracaju. Os interessados devem acessar o
https://centraldesistemas.sbc.org.br/ecos/chipinaracaju2014.

Os professores do IFS, Campus Aracaju, Leila Buarque e Edson Barbosa, respectivamente das coordenadoria de Informática e Eletrônica, afirmam que o Chip In é composto por quatro congressos simultâneos: a 27ª edição do SBCCI (Simpósio de Circuito Integrado Conceição); 29ª edição de SBMicro (Symposium on Microelectronics Technologies e dispositivos); 4ª edição do WCAS (Workshop sobre Circuitos e Sistemas de Design) e a 14ª edição do SFORUM (Microelectronics Students Forum).

(Da assessoria)



Variedades
Com.: 0
Por Eugênio Nascimento
01/09
11:12

TCE vê indícios de irregularidades em contratos firmados com a ONG ISES


O Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE) encontrou indícios de irregularidades em parcerias firmadas por 11 prefeituras sergipanas com a ONG Instituto Sócio Educacional Solidariedade (ISES).

Conforme relatório elaborado pela Diretoria de Controle Externo de Obras e Serviços, entre janeiro de 2011 e junho deste ano foram empenhados para o Instituto mais de R$70 milhões, dos quais R$50 milhões já estão pagos.

As possíveis irregularidades, segundo o levantamento, possuem “potencial dano ao erário dos entes envolvidos”, e estão relacionadas, sobretudo, à contratação de mão de obra terceirizada.

A constatação se deu após análise de documentos solicitados pelo Tribunal às prefeituras de Canindé de São Francisco, Divina Pastora, Frei Paulo, Japaratuba, Laranjeiras, Macambira, Poço Redondo, Propriá, Riachão do Dantas, Tobias Barreto e Umbaúba.

Na sessão plenária da última quinta-feira, 28, o conselheiro-presidente Carlos Pinna repassou cópias do relatório aos demais integrantes do colegiado para que tomem ciência do conteúdo e adotem as medidas que avaliarem como mais adequadas ao investigarem os municípios de suas respectivas áreas de atuação.

A análise dos contratos de parceria firmados pelas prefeituras sergipanas com a ISES foi motivada por uma solicitação do TCE do Tocantins, tendo em vista que a ONG também vem sendo investigada naquele estado e sua sede fica em Aracaju.

Fonte: www.tce.se.gov.br


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
31/08
15:13

Instituto Banese patrocina Filarmônica União Lira Paulistana


Fundada em 1876, a Filarmônica União, do município de Frei Paulo, é a segunda mais antiga de Sergipe
 
O Instituto Banese, órgão responsável pela gestão das ações socioambientais e apoio às manifestações culturais do Banco do Estado de Sergipe (Banese), vem patrocinando há três anos a Filarmônica União Lira Paulistana, localizada no município de Frei Paulo. Fundada em 1876, a Filarmônica União Lira Paulistana é a segunda mais antiga de Sergipe. A banda musical, formada por 80 componentes, é tradição em Frei Paulo e tem um grande valor cultural para a cidade.
 
Além disso, nos últimos anos a filarmônica tem desempenhado um papel social e educacional no município através da oferta de oficinas de música para moradores da comunidade. Ao todo são 170 pessoas, entre crianças e adultos, beneficiados por aulas de Clarinete, Flauta, Saxofone, Flauta Doce, Flauta Transversal, Violino e Percussão.
 
Para acompanhar todo esse trabalho, uma equipe do Instituto Banese, liderada pelo diretor de Programas e Projetos, Marcelo Rangel, esteve recentemente na sede da Filarmônica. Durante a visita, o presidente da União Lira Paulistana, Juvenilson Lima, destacou a importância do apoio financeiro do Banese à Filarmônica, que a princípio era dado diretamente pelo Banese e agora é repassado através do Instituto Banese.
 
“Nós costumamos dizer que o Banese foi o primeiro a nos dar a mão quando a Filarmônica estava para ser extinta, em 2008. E esse apoio, agora repassado pelo Instituto Banese, continua sendo fundamental para manter o trabalho que desempenhamos aqui, tanto em relação à banda como às oficinas de música”, disse o presidente da instituição.


Da assessoria
Foto: Nucom/Instituto Banese


Variedades
Com.: 0
Por Kleber Santos
Primeira « Anterior « 449 450 451 452 453 454 455 456 457 458 459 » Próxima » Última

Enquete


Categorias

Arquivos