Aracaju alcança melhor resultado dos últimos 11 anos no combate ao Aedes Aegypti

08/11/2018 16:43:31 por Redação em Variedades
Pela terceira vez no ano, cidade alcança resultado melhor, alcançando Índice Predial de 0,9

Aracaju
está, mais uma vez, entre as cidades com baixa probabilidade de surto de doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti. O dado foi confirmado na manhã desta quinta-feira, 8, pelo prefeito Edvaldo Nogueira, em coletiva que apresentou o resultado da 6ª avaliação epidemiológica realizada na capital sergipana em 2018.
 
De acordo com o Levantamento de Índice Rápido do Aedes Aegypti (LIRAa), pela terceira no ano, a cidade alcança o melhor resultado dos últimos 11 anos, com 0,9 de Índice Predial. O que, segundo o prefeito Edvaldo, comprova o êxito das ações que foram colocadas em prática pela atual gestão.

Os dados revelam que no último ciclo de 2018, a gestão conseguiu ser ainda mais efetiva no combate à proliferação do mosquito, em relação a 2017. No período final de análise, foram registrados 48 casos confirmados de dengue, enquanto que no ano passado foram 94. Com a chikungunya e a zika, os resultados se mostraram ainda mais expressivos: 12 casos em novembro deste ano contra 112 do ano passado, e 1 caso contra 4, respectivamente. Uma queda de 69,5% em 12 meses.

A avaliação mostra, ainda, a baixa incidência de casos na capital. Foram registrados 9, 77 de casos por 100 mil habitantes. Além disso, dos 42 bairros de Aracaju, nenhum possui alto risco de epidemia. No mapeamento realizado pelo município, 26 bairros foram classificados com baixo índice, o que representa 62%, e 16 (38%) com médio risco.

Até outubro deste ano, foram realizados 140 bloqueios de transmissão, com a aplicação do fumacê em um raio de 300 metros de casos suspeitos. Também foram recolhidos 45.407 pneus, evitando acúmulo de água parada, foram trabalhados 6.891 pontos estratégicos e realizadas 716.321 visitas domiciliares, percorrendo 100% dos imóveis de Aracaju.

Para mais detalhes, clique aqui.

Fonte: Agência Aracaju de Notícias
Foto: Ana Lícia Menezes/PMA

 

Deixe um comentário

Seu nome (Necessário)
Seu E-mail (Necessário - Não será exibido)
Seu comentário
Código da imagem:

Enquete


Categorias

Arquivos